Viver Lauro de Freitas

Orla, gastronomia e eventos fortalecem turismo em Lauro de Freitas

Município é porta de entrada do Litoral Norte, o que facilita a estadia dos turistas

Especial de Conteúdo

Salvador é um dos destinos turísticos mais procurados do Brasil e do mundo, mas o interesse dos visitantes não está somente na capital. Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, tem se tornado uma opção de turismo, tanto pela sua extensa orla, alta gastronomia e localização.

Foto: Divulgação / Prefeitura de Lauro de Freitas
O município é porta de entrada do Litoral Norte, o que facilita a estadia dos turistas. Além disso, os 6 quilômetros de praias, um rico patrimônio cultural e religioso e uma forte gastronomia fazem a cidade se firmar no cenário turístico do Estado.

A chegada de novos empreendimentos e opções de lazer à cidade fortaleceu a qualidade de vida e trouxe atrativos para quem quer conhecer além de Salvador. Lauro possui três praias - Ipitanga, Buraquinho e Vilas do Atlântico, com estruturas de barracas que não são encontradas na capital, mais de 400 terreiros de candomblé, uma comunidade Quilombola e reserva indígena.

No ramo da culinária, a cidade possui no site de viagens TripAdvisor mais de 100 opções de restaurantes, bares e cafés. Atualmente, Lauro possui unidades de restaurantes tradicionais de Salvador, como Donana, Ki-Mukeka, O Picuí e Frango do Moura.

Alguns outros famosos são exclusividade da cidade - que faz muito soteropolitano se deslocar até o local -, como o Sui, do chefe Aurélio Agazzi, que promete "o prazer da alta gastronomia em um ambiente único". No local, a culinária é à base de peixes, crustáceos, moluscos, raízes e frutas brasileiras, associados a ingredientes e técnicas da cozinha baiana.