Moda e Beleza

Guia do xampu: saiba usar as diferentes texturas a seu favor

Escolha do xampu certo também garante uma lavagem personalizada, e evita ter que lavar o cabelo todo dia

Agência O Globo

Na hora de escolher o xampu, costumamos observar se é para cabelo seco ou oleoso, quimicamente tratado ou tingido. Mas a textura é algo que parece pouco relevante, que importa mais na hora de comprar condicionador. Mas a hairstylist Gabi Balan, do TP Beauty Lounge, explica que não é bem assim. Segundo ela, a escolha do xampu certo também garante uma lavagem personalizada, e evita ter que lavar o cabelo todo dia.

- Um xampu não vai fazer mal para os fios, mas é importante identificar o mais adequado para que a lavagem dure mais, o cabelo não fique pesado e para que o xampu atenda às necessidades de cada pessoa. Por exemplo, se o seu fio requer uma hidratação mais forte, você precisa de um xampu com mais propriedades condicionantes.

Foto: Divulgação

Gabi observa que o ideal é identificar a necessidade do cabelo pela raiz:

- Eu sempre indico para qualquer pessoa usar os xampus mais aquosos que vão limpar melhor e, se o cabelo for mais ressecado, partir para uma máscara. Porque assim é possível ter um couro cabeludo limpo, mais solto e um comprimento e ponta mais hidratado.

Abaixo, ela fez um guia para nos ajudar a definir o tipo ideal para cada cabelo. Mas Gabi ressalta que testar é fundamental:

- Minha sugestão é ir até o salão, usar um xampu ou fazer uma hidratação. Gostando do resultado, vale investir no produto. Eu lavo o meu cabelo dia sim, dia não, mas quando eu lavo com um xampu aquoso, meu cabelo dura até três dias sem lavar, porque ele tem uma limpeza melhor, é puro, não tem tanto condicionador, sua composição é mais suave e limpa sem pesar.

Aquoso: "Ele é transparente e geralmente tem a textura mais fluida. E é indicado para cabelos naturais a oleosos, que exigem uma limpeza mais profunda. Essse xampu limpa bastante o couro cabeludo e o enxágue também é bem mais fácil, não exige uma quantidade de água muito grande, nem muito tempo embaixo do chuveiro, por isso o cabelo não fica tão pesado. É possível identifica-lo pela cor. Ele vai deixar o cabelo hidratado, mas mais solto porque seu ph é mais neutro". A seguir, alguns produtos do tipo:

Elixir-Ultimate Óleo-Complexe, da Kérastase

Momo, da Davines

Cristalliste Bain Cristal, da Kérastase

Lumino Contrast, de L’Oréal Professionel

Elements, da Wella

Keratin Protect, da Wella SP Luxe Oil

Oil Reflexions, da Wella

Antirresíduo: "É preciso ter muita atenção aos xampus antirresíduo porque todos são aquosos e, nesse caso, não é bom usar todos os dias porque causam ressecamento. Esse tipo de xampu só deve ser usado uma vez na semana no máximo".

Cremoso: "É ideal para cabelos mais ressacados. É um xampu que pesa mais a raiz por ser mais nutritivo e ter um teor de condicionador maior em sua composição. Ele deixa o cabelo mais hidratado e sedoso, então se o seu cabelo é oleoso você não deve usá-lo. Geralmente tem a cor branca, rosa, azul, etc. A seguir, alguns produtos do tipo:

Meu Cacho Minha Vida, da Lola Cosmetics

All Soft, Redken

Enrich, da Wella

Revitrat Nutrição, da Dermage

Revitrat Reparação, da Dermage

Perolado: "O xampu perolado é como o cremoso, mas tem um brilho. Ele acaba sendo um xampu mais coringa, porque limpa bem e ao mesmo tempo hidrata. Está no meio do caminho. Ele não é tão pesado quanto o cremoso, mas não chega a ser tão leve quanto o aquoso. A seguir, alguns produtos do tipo:

Penetraitt, da Sebastian

Moisture Repair Shampoo, da Moroccanoil