Teatro

Publicada em 26/03/2012 às 15h50. Atualizada em 27/03/2012 às 13h36

Mundo mágico: conheça o espetáculo Abrakadabra do Circo Tihany Spetacular


O iBahia foi até Aracaju para conhecer o show da companhia internacional de circo que chega a Salvador, dia 30, na Paralela


Lívia Rangel
(livia.rangel@redebahia.com.br)
publicidade

Meninas contorcionistas da Mongólia dão um show à parte

Eram quase 21h na capital sergipana, na última quinta-feira(22), quando atravessei um corredor azul escuro ladeado por grandes espelhos triangulares, envolto em carpetes luxuosos e rodeado por uma exposição de fotos de estrelas do Circo Tihany Spetacular. O local com luz neon no chão, fazia o elo entre o belíssimo saguão rosado situado na entrada - que recebe os visitantes com lojas coloridas de doces, mini donuts, pipoca e cachorro-quente -, com a arquibancada e o imponente picadeiro.

Vendedor de brinquedos luminosos

"Aqui termina a realidade; ali começa a fantasia", anunciava com sotaque espanhol o falante gerente de marketing do Tihany, Vladimir Avendaño, que naquela noite assumia o papel de guia, me conduzindo a uma verdadeira viagem ao fantástico mundo do circo - com direito a passeio pelo backstage, antes do espetáculo, com acesso aos camarins dos artistas e ao trailer mais luxuoso da trupe: a casa do mágico Mr. Richard Tihany.

Veja também: Galeria de fotos dos bastidores do Circo Tihany Spetacular

Ao entrar na enorme tenda de lona cor de rosa, com 1.800 metros de tecido, 50 toneladas de ar condicionado, recheada de cadeiras e camarotes forrados com brocado de veludo vermelho, podia-se ver vendedores de pipoca e de brinquedos luminosos em meio a uma grande movimentação - cerca de duas mil pessoas se encaminhavam ou se assentavam em seus devidos lugares. O espetáculo estava para começar.

Show de luzes e cores
Quem dá as boas vindas aos visitantes é o fundador da companhia o visionário Franz 'Tihany' Czeisler, que deixou gravada sua participação, já que não acompanha mais a trupe que criou e, aos 96 anos, acompanha as turnês mundiais do circo Tihany de Las Vegas, nos EUA, onde fixou residência depois que saiu do Brasil (o Tihany foi criado em 1956, em São Paulo). E assim começa um espetáculo de luzes, cores, sons, adrenalina e pura magia inspirado nos glamouros shows de Las vegas.

Palhaços na abertura do Abrakadabra


Com a chegada de um dos quadros mais clássicos da arte circense, a palhaçaria, o riso se fez - e a plateia já estava entregue.

Dali em diante a noite seguiu com reações diversas no público: ouvia-se gargalhadas de crianças e adultos com o palhaço e mestre de cerimônia Henry; gritos de horror com os números de trapézio e acrobacias aéreas - teve até um momento de grande susto quando um equilibrista que andava sobre o cabo de aço quase caiu -, além da beleza das dançarinas e seus vestuários cheios de brilhos, plumas e paetês. Mas a grande estrela do Tihany Spetacular é o ilusionista e diretor executivo Mr. Richard.

O ilusionista Mr. Richard Tihany em ação no palco



O herdeiro escolhido pelo fundador do Tihany falou sobre a relação com o seu mentor. "Quando eu entrei aqui há 30 anos ele (Franz Czeisler) me ensinou tudo, hoje ele diz que sou eu quem ensina a ele. Por tudo isso ter sido feito com amor e com paixão deu certo", avalia Richard.

'Por ter sido feito com amor e com paixão (o Tihany) deu certo', diz o mágico Mr. Richard



Brasileiros no Tihany

Cochise Monteiro (acrobata) e Ariele Souza (dançarina) são um dos poucos brasileiros do Circo Tihany

A trupe do Abrakadabra está viajando pelo Brasil com 150 pessoas, sendo destes 68 artistas de 25 diferentes nacionalidades. No elenco, apenas três artistas são brasileiros - o mágico, a dançarina Ariele Souza, 20 anos, e o acrobata carioca Cochise Monteiro, 20 anos, que veio do circo de Marcos Frota.

O iBahia conversou com dois artistas que falaram sobre a experiência de serem selecionados pelo Tihany e as expectativas de futuro. "Eu entrei como recepcionista do circo em Natal... me disseram que havia a oportunidade da seleção para a ala de dançarinas e eu fui aprovada. Nunca imaginei fazer parte de uma companhia circense. Agora participo de todas as coregrafias do Abrakadabra", conta Ariele. "Eu entro no início e no final do espetáculo com os números "maca-russa" (acrobacia aérea) e trapézio. Pretendo seguir até o final da turnê no país. O Tihany é o melhor circo do Brasil", afirma Cochise.  

Os Ayala do Guinesss Book

Adrenalina: família Ayala protagoniza um dos momentos mais perigosos do espetáculo


A família Ayla, composta por três acrobatas venezuelanos, são um show à parte no Tihany. Henry Jr (o mesmo que encarna o palhaço mestre de cerimônia) é o dono do recorde mundial: 1.109 pulos de corda sobre o cabo alto, superando o recorde anterior de 800 pulos. O acrobata também é recordista na quantidade de pulos de corda no menor tempo, tendo como equilíbrio apenas o cabo alto: 201 saltos em apenas um minuto. "Viajo com meu pai e meu irmão, o que ajuda a viver em turnê pelo mundo afora; viemos de uma família de artistas circenses, está no nosso DNA; faço parte da quinta geração", conta Henry.  

Abrakadabra

Mágica: Mr. Richard surge no meio do público

Se você é do tipo que gosta de brincadeiras de mágica, o Tihany é um prato cheio onde pode-se assistir a números profissionais de ilusionismo, como nos atos em que Richard e suas belas assistentes de palco fazem aparecer um helicóptero no picadeiro ou desaparecer uma moto estradeira, ressurgindo pilotando, em segundos, no meio da plateia. E para quem gosta de relíquias do automobilismo outro grande momento é a entrada do mágico a bordo de uma limusine rolls royce original - segundo Vladimir só existem atualmente 16 exemplares no mundo.

Depois de mais uma hora de encantamento, a música anuncia uma pausa e dois atores trajados como carteiros brasileiros - os Correios são o patrocinador master do Abrakadabra no país - anunciam, levantando uma placa de Sedex, que é hora do intervalo.

Um ator vestido de urso panda fica no palco tirando fotos e fazendo a festa da criançada, enquanto os técnicos ajeitam os equipamentos de luz e de segurança para a segunda parte do show, onde os números mais perigosos se realizam, antes do grand finale, quando todos os artistas e dançarinos retornam ao palco em traje de gala e uma grande surpresa acontece - mas vou deixar o final para quem for assistir ao vivo.

:: Circo Tihany Spectacular ::
Estreia em Salvador dia 30 de março
Local: Av. Paralela, s/n (prox. Shopping Paralela)
Sessões: terça a quinta, às 21h; Sexta e sábado, 17h e 21h; Domingo e feriado: 16h e 20h.Vendas: Bilheteria, Balcão de ingressos shopping Paralela - piso L1, e no site www.livepass.com.br
Preços: De R$25 (geral - meia) a R$150 (camarote).
Classificação: Livre


* A JORNALISTA VIAJOU A CONVITE DO TIHANY.

 





Tags: Circo Tihany Spetacular, Dia do Circo, Franz Czeisler, Richard Tihany, Destaques de Cultura
{{ commentsTitle }}
Os comentários não representam a opinião do Portal iBahia; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar o autor da mensagem esta aceitando os Termos e Condições de Uso.
{{comment.username}} {{comment.creation_tstamp*1000 | date:'dd/MM/yyyy - HH:mm'}}
{{comment.comment}}
  • {{comment.dislike_count | number}}
Comentário aguardando moderação
Agenda Cultural