Brasil

Vai viajar para o exterior? Saiba a hora certa de comprar dólares

Quem viaja para o exterior deve em mente três verbos: acompanhar, avaliar e pesquisar

Agência O Globo

Um dos dilemas de quem viaja para o exterior é a hora certa de comprar dólares para a viagem. Na última semana a moeda fechou abaixo de R$ 3,20 depois de dois meses acima desse valor. Contudo, não há como prever exatamente se a moeda ficará mais barata ou mais cara. Portanto, quem viaja para o exterior deve em mente três verbos: acompanhar, avaliar e pesquisar.

Ou seja, saber todo dia o preço da moeda para assim poder ter a certeza se o preço está bom ou não. E, no ato da compra, pesquisar em mais de uma agência de câmbio. Para se ter uma ideia de como a moeda varia, no dia 29 de dezembro o dólar estava cotado a R$ 3,24 enquanto no dia 2 de janeiro aumentou para R$ 3,28. No dia 3 foi a R$ 3,26 e no dia 5 chegou a R$ 3,19.

"Pesquisar é o fator principal e ter uma programação de viagem. Se você não se programar, acabará comprando os dólares quando precisar, independente do valor. O importante é não entrar em desespero e não esperar muito, optando por fazer uma reserva antecipada", explica o educador financeiro Rogério Braga.

Segundo Braga, quem programa uma viagem para daqui a 15 meses (ou mais) já pode fazer a compra. O ideal é adquirir a moeda aos poucos, mensal ou semanalmente para garantir a melhor cotação. Assim, a viagem pesará menos no bolso.

Cartão pré-pago é mais seguro para viagens ao exterior

A recomendação do educador é que o viajante leve de 20 a 30% do valor em papel moeda e os demais 80% no cartão pré-pago de viagens por segurança. Nesse último caso será cobrada a taxa de 6,38% de IOF e, por isso, o planejamento também tem que incluir esse valor.

Para que a viagem dos sonhos não vire pesadelo, o viajante deve colocar no planejamento desde o início os itens que deseja comprar e ter uma reserva para eventuais excessos.

"O que tem de melhor na viagem são os momentos, e a viagem dos sonhos não pode virar um pesadelo. Então, é importante fazer um orçamento levando em conta esses extras. Se você for uma pessoa controlada e que tenha feito um orçamento de viagem pode levar um cartão de crédito e deixá-lo guardado para uma emergência", adverte.

Comentários
Veja Mais