Menu Lateral ibahia ibahia.com
iBahia > mundo gfm
Whatsapp Whatsapp
Gratuito

Projeto 'OSBA na Estrada' leva música clássica para Chapada Diamantina

Serão três apresentações a partir desta quinta-feira (6)

Da Redação • 06/07/2023 às 15:00 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

				
					Projeto 'OSBA na Estrada' leva música clássica para Chapada Diamantina
Gabriel Camões/Reprodução/Redes Sociais

A Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) embarca no projeto 'OSBA na Estrada' e leva música clássica para as cidades da Chapada Diamantina, interior baiano. São três apresentações, sendo duas delas em Mucugê, nesta quinta (6) e também na sexta (7). A terceira é em Igatu, no sábado (8). Todos os concertos acontecem às 19h e contam com entrada gratuita (sujeita à lotação do espaço).

A Orquestra é regida pelo Maestro Carlos Prazeres, que está à frente da OSBA desde 2011 e também é responsável pela curadoria artística dos músicos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

O primeiro concerto é o "Dois Olhares sobre Bach", em que serão interpretadas duas obras do compositor alemão Johann Sebastian Bach: a cantata "Ich habe genug, BWV 82", que traz o lado religioso das composições do músico e a famosa "Cantata do Café", música feita como um jingle para o Café Zimmerman, em Leipzig (Alemanha). Na ocasião, a regência será do maestro Carlos Prazeres junto Daniel Umbelino (tenor), Flávia Albano (soprano) e Sávio Sperandio (baixo) como solistas.

A segunda apresentação em Mucugê, na sexta, o concerto "Bach Eterno" ganhará espaço com obras dos compositores estoniano Arvo Pärt (1935), o brasileiro Heitor Villa-Lobos (1887-1959) e o austríaco Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) junto a Bach. A regência será do maestro Carlos Prazeres e solo de Lucas Robatto (flauta).

Para fechar a edição do 'OSBA na Estrada', o concerto “Bach Etéreo” chega a Igreja de São Sebastião da Vila de Igatu. No programa, serão destacados clássicos de Bach. Esta apresentação terá como solistas de Flávia Albano (soprano), Heinz Schwebel (trompete) e Carlos Prazeres (oboé), que também fará a regência do concerto.

RELACIONADAS:

MAIS EM MUNDO GFM :

Ver mais em Mundo GFM