Brasil

Homem é preso por matar travesti a facadas na Bahia

Ele teria discordado do valor do programa cobrado pela vítima

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma travesti foi morta a facadas na noite de sexta-feira (12) após discutir com um homem sobre o valor do programa cobrado. O crima aconteceu perto de um motel na cidade de Araci, interior da Bahia. De acordo com informações do G1 (BA), o suspeito foi preso em flagrante.

Policiais da delegacia da cidade prenderam o suspeito quando ele saía de  casa, horas após ter cometido o crime. O delegado titular, Thiago Pessoa, informou ao G1 que  o homem confessou ter  matado a vítima e disse que, após a discussão, foi em casa e pegou a faca.



Ao chegar no local, eles teriam iniciado uma nova briga. A vítima, civilmente identificada como Flávio Alves de Souza, 27 anos, foi socorrida pela Samu e levada para uma unidade de saúde, mas não resistiu.

Motocicleta e faca utilizadas no crime foram apreendidas e passarão por perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT). O homem, autuado em flagrante por homicídio, foi encaminhado para realizar exames de lesão corporal e está à disposição da justiça.