Brasil

Pai mata filha de 4 anos após ser preso por agredir a ex-mulher

Lucas Diniz da Silva também atirou no filho de 3 anos, que segue internado, e depois se matou

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Na última segunda-feira (2), um homem, identificado como Lucas Diniz da Silva, matou a filha de 4 anos, atirou no filho de 3 anos e se matou em seguida. O caso aconteceu em  Canarana, no Mato Grosso. De acordo com informações da Polícia Civil ao G1 Mato Grosso, Lucas teria cometido o crime por vingança depois que foi preso por ter agredido a ex-mulher dele, mãe das crianças.

Foto: reprodução
Ainda segundo o G1 MT, depois de ser soltou, Lucas foi até a casa da ex-mulher e pediu que os filhos dormissem com ele naquela noite. Depois de levar as crianças para casa dele, Lucas começou a enviar mensagens ameaçadoras e fotos de uma arma para a ex-mulher.

A ex-sogra do homem chamou a polícia. Quando os agentes chegaram no local, ouviram barulhos de tiro e as duas crianças estavam deitadas na cama com o pai e todos feridos com tiros na cabeça. Lucas já estava morto e os filhos chegaram a ser socorridos, mas a menina morreu no caminho para o hospital. O menino está internado no Hospital de Água Boa.

O crime está sendo investigado pela Polícia Civil.