Gente

Após viver 'Elis', Andreia Horta se prepara para nova novela

Para a série, Andreia precisou gravar novas cenas como a personagem, o que ela considerou um desafio

Patrícia Kogut de Agência O Globo

Quase três anos depois de interpretar a personagem no cinema, Andreia Horta voltou a aparecer como Elis Regina na série "Elis - Viver é melhor que sonhar", que chegou ao fim nesta sexta-feira. A atriz, que recebeu elogios por sua atuação, diz estar "no céu":

- Tenho recebido várias mensagens legais. O povo brasileiro ama a Elis Regina e tem as memórias mais lindas ligadas às músicas dela. Muita gente vem me dizer que os pais choraram assistindo ou lembraram de alguma situação da vida. Recebi recados até de pessoas próximas a ela. Elis morreu cedo, mas viveu bastante. Deixou uma obra colossal.

Foto: Reprodução

Para a série, Andreia precisou gravar novas cenas como a personagem, o que ela considerou um desafio:

- Três anos é um tempo e tanto. Eu sou outra e a atuação muda. Sinto que desta vez eu estava com o espírito mais 'assentado', e isso aparece na Elis.

Depois da série, a atriz já tem outro trabalho à vista na Globo. Ela viverá a imperatriz Teresa Cristina na novela "Nos tempos do imperador", de Thereza Falcão e Alessandro Marson para a faixa das 18h:

- Já estou dando uma olhada na personagem e revisitando os livros. O período histórico é próximo ao de 'Liberdade, liberdade' (em que interpretou Joaquina), então, já conheço um pouco. A imperatriz foi uma mulher importante, apaixonada pelo nosso país e chamada de 'mãe dos brasileiros'. Fico feliz de fazer papéis em que eu possa contar a nossa História.

A partir de segunda-feira, a atriz também poderá ser vista na reprise de "Cordel encantado", sua primeira novela na Globo:

- Fui muito feliz nessa novela. Meu núcleo era meio cômico e o texto da trama, primoroso. Fez um sucesso gigantesco - lembra ela, que também está no ar no programa "O país do cinema", do Canal Brasil.

Desde a estreia na TV, Andreia procura se manter discreta em relação à vida pessoal e destacar os bons momentos profissionais. Ela considera que tem conseguido alcançar o objetivo:

- Eu tento manter minha vida mais privada possível. O que tem que aparecer sobre mim é o meu trabalho, o resto é uma questão de fofoca e curiosidade. Então, procuro não alimentar. Acho que tem dado certo. Quando falam de mim, dificilmente o que vem primeiro é minha vida pessoal. Agora, por exemplo, estou solteiríssima (ela terminou o namoro com o também ator Patrick Sampaio) e não fico falando disso e nem expondo nada.