Música

Ricardo Castro é eleito Personalidade do Ano pelo Prêmio Bravo!

O maestro e fundador do Neojibá acaba de ser premiado numa cerimônia em São Paulo

Lívia Rangel (livia.rangel@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Ricardo Castro vem incentivando a inclusão social por meio da música clássica


O diretor geral do Neojibá - Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia acaba de ser eleito "Personalidade do Ano" no Prêmio Bravo! 2011, que é considerado um dos mais importantes para o mercado cultural no Brasil.


O maestro e fundador do Neojibá disputou o troféu com Heitor Martins, presidente da Fundação Bienal de São Paulo, e Regina Bertola, idealizadora da companhia Ponto de Partida. O prêmio homenageou os artistas que mais se destacaram no período de agosto de 2010 a julho de 2011.


Ricardo Castro

Ricardo Castro é natural de Vitória da Conquista e começou a tocar piano com três anos de idade. Aos cinco anos foi admitido em caráter excepcional nos Seminários de Música de Salvador, famosa escola que hoje faz parte da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Desde 2007, ele coordena o Neojibá (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), projeto de educação musical que forma músicos entre 12 e 25 anos.


Premiação
Com o tema "Cultura para Mais Gente", o 7º Prêmio Bravo! aconteceu hoje, no Auditório Ibirapuera. A eleição dos finalistas e vencedores foi feita por sete comissões julgadoras, formadas por críticos, artistas e pesquisadores. O internauta participou da seleção.


Vencedores do Prêmio BRAVO! 2011

MELHOR EXPOSIÇÃO

Corpo de Ideias

Carmela Gross


MELHOR FILME NACIONAL

Tropa de Elite 2 - O Inimigo Agora é Outro

José Padilha


MELHOR SHOW

Criolo


MELHOR CD ERUDITO
Flausino Vale e o Violino Brasileiro

Cláudio Cruz com concepção de Camila Frésca


MELHOR CD POPULAR

Emicídio

Emicida


PERSONALIDADE CULTURAL DO ANO
Ricardo Castro

Maestro fundador do Neojibá


MELHOR PROGRAMAÇÃO CULTURAL
Instituto Tomie Ohtake


MELHOR ESPETÁCULO DE DANÇA

Núcleos

João Saldanha


MELHOR ESPETÁCULO DE TEATRO

Pterodátilos

Felipe Hirsch


MELHOR LIVRO
Diário da Queda

Michel LaubAssista a trecho de um concerto de Ricardo Castro com a orquestra juvenil Dois de Julho do Neojibá: