Teatro

Lelo Filho apresenta 'Fora da Ordem', seu espetáculo solo

A montagem, que tem texto e direção do artista, aborda os efeitos da ditadura na vida de uma família brasileira

Redação iBahia (agenda@portalibahia.com.br)
- Atualizada em


Desde que completou 30 anos de carreira, em 2012, o ator, produtor, diretor e autor Lelo Filho teve um impulso de inaugurar uma nova fase artística e assim nasceu o projeto 'Fora da Ordem', seu primeiro solo. O nome do espetáculo é inspirado em uma canção de Caetano Veloso, que retribuiu com a gravação de 'Haiti' à capela para uma das cenas. O resultado dessa aposta poderá ser visto pelo público, a partir desta sexta-feira (7), às 20h, no Espaço Xisto Bahia. O espetáculo é vencedor do Prêmio Myriam Muniz 2013 da FUNARTE e foi elaborado ao longo de dois anos. As apresentações acontecerão até 30 de novembro, sempre às sextas (Exceto no dia 28/11) e sábados, às 20h, e aos domingos,  às 19h.

O texto trata sobre questões sociais transformadoras na vida das pessoas, como ditadura, racismo, homofobia, violência, guerras santas e intolerância de vários tipos. No palco, a figura do ator faz as vezes de mestre de cerimônias, que apresenta ao espectador o ritual do teatro com apresentação de cada componente da equipe técnica envolvida para contar as histórias da família Telles, que mistura ficção e realidade.

A história começa no Natal de 1968, quando a ditadura havia tirado direitos básicos dos cidadãos com a instituição do AI-5. Ao longo das cenas, a família Telles vai se desmoronando e são revelados ao público os efeitos nocivos daquele período com determinações como: veto aos direitos políticos, cerceamento das liberdades individuais, censura prévia da informação. Paralelo à narração dos fatos sociais, é mostrado o comportamento de um pai tirano, que vive em conflito com seus filhos: Pedro, Glorinha, Jonas, Adriano e o pequeno Pedrinho. Para viver tudo isso no palco, Lelo mergulhou nas memórias do período por meio de leitura de cartas, diários, histórias de sua própria família que assistiu pessoas conhecidas serem perseguidas pelos militares.  

Nos últimos 27 anos, Lelo vem atuando ao lado dos atores que passaram pela Cia Baiana de Patifaria, e mesmo ao sentir que era hora de investir em um projeto solo, ele não se afastou dos parceiros. Com vozes gravadas e aparições projetadas no cenário, Lelo, que assina texto e direção do espetáculo, tem a participação de grandes amigos em 'Fora da Ordem'. As participações reúnem nomes como Alan Miranda (Capitães da Areia, +1 Filmes), Bertrand Duarte (Decamerão e Quarteto), Diogo Lopes Filho (Vixe Maria, Abafabanca), Hamilton Cerqueira Lima (Paixão de Cristo, As Confrarias), Jorge De La Puente (+1 Filmes), Mário Bezerra (Éramos Gays e Abafabanca), Talis Castro (Pólvora e Poesia, Abafabanca), Vinícius Nascimento (Capitães da Areia), Wanderley Meira (Longa Jornada Noite à Dentro, As Confrarias) e o ator mirim João Victor Sobral (Eu sou Don Quixote e Circo de só Ler).