TV

Mais um 'vilão' eliminado; veja como foi a semana do BBB 20

Não conseguiu acompanhar tudo o que rolou na quarta semana do reality? Listamos os principais acontecimentos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Já se deu conta de que o Big Brother Brasil 20 completou um mês no ar? Tem sido incrível a maneira com a qual anônimos e famosos - um fato inédito -, tem se comportado no jogo. Já por este um mês de programa, a temporada já pode sim ser considerada uma das melhores até hoje, como foi vendida nas chamadas, antes da estreia. 

Foto: Reprodução | TV Globo 

Numa breve análise, a sensação que o programa tem passado é de que estamos tendo várias temporadas em uma só. A cada semana que passa, novos coadjuvantes se tornam protagonistas e aqueles que achávamos que eram os protagonistas, se tornam coadjuvantes. Novos vilões também tem sido desenhados. 

Não conseguiu acompanhar tudo o que rolou na quarta semana do reality? Veja os principais acontecimentos abaixo: 

Foto: Reprodução | TV Globo 
Ninguém é de ninguém: A quarta semana foi marcada pelo mais novo integrante do romance entre Guilherme e Gabi: Victor Hugo. O participante, que se denomina assexual, está apaixonado pelo jornalista e chegou a fazer altas declarações para ele na festa da última quarta (12). Em certos momentos o psicólogo chegou a dizer que os três podiam viver um romance entre si. Ele só esqueceu que a relação conta também com Bianca Andrade. 

Liderança: Numa prova de sorte, Gabi ganhou o poder de escolher quem seria o novo líder da casa e Gui, mais uma vez, foi quem levou a melhor. Por outro lado, a prova também contou com um plot: um dos brothers foi automaticamente para o paredão e quem levou a pior foi Marcela. Mas fique tranquilo, a 'fada sensata', como é chamada pelo público do programa, se salvou na prova bate-volta logo após a formação do último paredão. 

Anjo: Victor Hugo foi o anjo da vez. O psicólogo ganhou o poder de imunizar um dos colegas de confinamento e Mari foi a escolhida. 

Foto: Reprodução | TV Globo 
Ação: O principal plot da semana foi sem dúvidas o '0 estalecas'. É que Lucas Gallina, resolveu não colaborar para as compras da Xepa e não doou nada para as compras da sua equipe sem pensar nas consequências futuras. Detalhe: ele possuia 1.800 do dinheiro virtual, mas resolveu não colaborar com os colegas de confinamento. 

Reações: O feito do fisioterapeuta fez com as meninas que estavam na Xepa tomassem a atitude de racionar a toda a comida em pequenas quantidades para cada brother (12 no total). Quem não gostou da medida foi Babu, que tretou com Manu e Bianca pela atitude, vista para o ator como 'mesquinharia'. Thelma, inclusive, chegou a chorar de fome durante a madrugada desta terça (17).

Big Fone: O telefone do Big Brother Brasil tocou às 8h do último domingo (17) e Felipe Prior foi quem atendeu. O arquiteto levou a melhor numa corrida contra Rafa e Pyong e como prêmio, ganhou mais uma importante imunidade. 

Foto: Reprodução | TV Globo 

Paredão: Logo quando se tornou líder, Guilherme deu indícios de que mandaria Babu diretamente para a berlinda. No entanto, pela atitude em não colaborar com a Xepa, Lucas foi a escolha do jornalista. Com Prior imune, Babu herdou os votos que seriam do arquiteto, e ao todo, 9 pessoas queriam ver o ator fora da casa. Victor levou 4 votos e também se juntou a berlinda junto à Marcela, Babu e Lucas.

Como dito acima, a loira se salvou do paredão e os três meninos na disputa pela permanência do público. 

Eliminação: A preferência do público já estava clara desde que a berlinda foi formada. Com 62,62% Lucas foi o mais novo eliminado da casa mais vigiada do Brasil. 

Vidente? Do lado de fora, o filho do Pyong chegou ao mundo. A produção não contou ao hipnólogo da novidade, mas o próprio sentiu a chegada do baby através de um sonho. Além de estrategista parece que o coreano é também um vidente, hein? Antes de ser confinado, por exemplo, ele pressentiu que a cada seria dividida por um muro, como de fato aconteceu. Que venha mais uma semana do BBB 20.