Com renovação, Mancini vai ter mais autonomia no Vitória


O martelo está batido: Vagner Mancini renovou com o Vitória e segue no comando do clube. Na sexta-feira (4), o técnico chegou a um acordo com a diretoria rubro-negra e assinou contrato até dezembro de 2016.

O acordo demorou a ser firmado. Segundo Mancini, não por questões financeiras, mas porque ele fez questão de debater sobre o planejamento com o vice-presidente Manoel Matos. “A ideia era realmente conversar bastante, não só sentar e assinar. Imaginamos que chegaríamos a um acordo porque era desejo de ambas as partes, mas tínhamos que dialogar, falar muito sobre o planejamento de 2016 e só deixar a parte financeira para o final. Na escala de prioridade, estava o clube”, explica.

Foto: Divulgação
Uma das questões mais debatidas entre Mancini e Manoel Matos, que viajou até a fazenda do técnico em Ribeirão Preto-SP para fechar a negociação, foi o que vai mudar do Vitória de 2015 para 2016. 

“O Vitória teve erros neste ano que não podem ser repetidos. A sorte é que erramos no início do ano e deu para consertar. Vamos inovar o ambiente. Nada que fuja ao que o futebol pede, mas as decisões serão tomadas mais em conjunto, para que cheguemos a um consenso e não tenhamos tanta dificuldade ao longo do ano”, esclarece o treinador.

A ideia é que o treinador tenha mais participação nas decisões tomadas pelo clube no departamento de futebol. Ele terá voz ativa junto ao presidente Raimundo Viana, a Manoel Matos e ao diretor de futebol Anderson Barros.

Mancini explica. “Quem fica à frente é Anderson Barros, mas tem que haver consenso entre as opiniões. Vou participar da formação do elenco, estamos nos falando todos esses dias para definir isso, mas não depende só da vontade da gente. Tem atletas que precisam de reempréstimo, outros que temos que mapear o mercado e fazer aquisições. É mais complexo do que muita gente pensa”, diz.

Apesar de ainda estar de férias, o técnico afirma que não parou para descansar ainda. “Não consigo desligar totalmente. Cuido mais do Vitória do que de mim. É uma coisa enraizada em quem trabalha com futebol”, brinca.

Jogadores
Com a renovação de Mancini, o Vitória dará início às conversas com os atletas que têm contrato expirado ou a expirar neste mês para definir quem terá vínculo prorrogado. “Estávamos esperando esse acerto. Sem dúvida nenhuma, é fundamental contar com o técnico para saber quem fica, quem não fica . Vai ser uma decisão conjunta. Quanto mais conversamos, maior a margem de acerto”, defende o presidente Raimundo Viana.

Até o momento, só o goleiro Fernando Miguel já chegou a acordo e renovou até 2017.
Correio24horas