Futebol

Agora técnico, Paulo Isidoro fala de planos para 2014

Ex-jogador está terminando um curso na CBF e já tem experiência como auxiliar. Ele trabalhou no Ypiranga este ano

Redação iBahia (esportes@portalibahia.com.br)

O ex-meia-atacante Paulo Isidoro, um dos destaques do "Brinquedo Assassino" rubro-negro de 1993, tornou-se treinador. Finalizando um curso oferecido pela CBF que é chancelado pela Fifa, o ex-jogador quer usar os seus 20 anos de experiência no futebol na área técnica e se diz preparado para exercer a função.


"Meu pensamento é de começar 2014 comandando, mas a gente tem que analisar os convites, o clube, o momento. Me planejei para isso e me sinto agora mais preparado. Isso não quer dizer que eu não vá continuar estudando, analisando futebol, mas hoje me sinto preparado para assumir algum clube", disse Paulo Isidoro em entrevista ao programa Playoff da última segunda-feira.


Auxiliar técnico de Rodrigo Chagas no Ypiranga este ano, Paulo Isidoro revelou que chegou a recusar alguns convites de clubes de Salvador no começo da temporada. "Não quis por não me achar preparado. Quis entender tudo antes para diferenciar o pensamento", explicou. Ele não descarta trabalhar com categorias de base, mas mantém o foco: "a minha preferência é profissional".