Moda e Beleza

Grife vende bolsas com cheiro de maconha

Problema em lote de couro causou odor incomum e gerou reclamações

Redação iBahia
- Atualizada em

Quem quiser comprar uma bolsa Hermés precisa desembolsar pelo menos R$ 20 mil, sem falar na fila de espera, que pode durar anos. Depois de fazer tantos sacrifícios para comprar as it-bags da marca, algumas mulheres tiveram uma decepção incomum: as bolsas vieram com cheiro de maconha.

Modelos famosos como Birkin e Kelly foram atingidos por problema

Segundo o jornal americano New York Post, o problema com as bolsas da marca é mundial, mas as cidades de Paris e Nova York concentram os maiores números de reclamações. Em um comunicado, a Hermés explicou que o problema aconteceu com um lote de couro, que não foi secado devidamente, e, por isso, exala um cheiro próximo ao da maconha quando exposto ao sol.