Mundo

Mancha de poeira 'Godzilla' se aproxima das Américas; entenda

Nuvem de poeira é maior que Estados Unidos e Canadá juntos e vem da região do Saara

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O ano de 2020 parece não estar para brincadeira. Além de pandemia, vespas assassinas e nuvem de gafanhotos, mais uma manifestação da natureza surge como alerta: uma gigantesca mancha de poeira que anda em direção ao continente americano.

Especialistas chamam de "nuvem de poeira Godzilla", segundo o G1. Esse é um fenômeno comum, mas parece estar mais intenso dessa vez. Trata-se de uma massa de ar seco carregada de partículas de areia, que se forma no deserto do Saara quando é final da primavera no Hemisfério Norte (final do outono no Brasil) e em outras épocas do ano.

É um fenômeno de curta duração, mas, segundo o G1, a presença de ventos suaves podem fazer com que a nuvem cruze o Atlântico.

Saúde humana

O ar seco dessa grande nuvem pode afetar a pele e os pulmões, pois tem cerca de 50% menos umidade do que a atmosfera tropical típica. Pessoas que sofrem de problemas respiratórios podem ter também alergias e irritações nos olhos, o que se torna mais grave com a pandemia do covid-19.