Mundo

Professor é acusado de assistir pornografia enquanto dá aula

Imagens que circulam na web mostram o profissional em uma mesa e olhando para baixo, enquanto é possível ouvir sons pornográficos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um professor é suspeito de assistir pornografia enquanto dá aula para alunos em Broward, Estados Unidos. A polícia local informou que uma sindicância do distrito escolar foi aberta para apurar o caso. As informações são do site Miami Herald.

Identificado como Michel Braeseke, o profissional dá aulas de ciências sociais na South Browart High School. Um vídeo que circula no Twitter mostra ele em uma mesa e olhando para baixo, enquanto sons pornográficos são ouvidos.



"As Escolas Públicas do Condado de Broward levam muito a sério todos os assuntos e alegações envolvendo a segurança dos alunos e funcionários. Quando os líderes da escola foram informados da alegada má conduta do professor durante uma aula virtual, eles tomaram medidas imediatas e começaram a examinar as alegações e a seguir os protocolos adequados antes de postar nas redes sociais. O incidente e as alegações foram relatados à Unidade Especial de Investigação do Distrito para iniciar uma investigação interna. O distrito e a administração da escola permanecem comprometidos com a segurança e o bem-estar emocional dos alunos",
diz o comunicado enviado ao veículo jornalístico pelo distrito escolar.