Nem Te Conto

Painitto apaga post após ser acusado de transfobia pela web

Na post apagada, no entanto, havia afirmado que "diante de todas as mudanças na Terra, sejam elas profissionais, sociológicas ou de gênero

Agência O Globo
- Atualizada em

Mauro Machado, pai da cantora Anitta, apagou uma postagem em sua página do Instagram em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Isso porque internautas o acusaram de ter sido transfóbico na mensagem. "Painitto", como é conhecido, fez outra publicação e colocou no lugar.

"Feliz dia internacional da Mulher" publicou ele, após retirada da mensagem anterior. Acrescentou ainda: "Sem mais comentários. Beijos".



Na postagem apagada, no entanto, havia afirmado que "diante de todas as mudanças na Terra, sejam elas profissionais, sociológicas ou de gênero; há um simples detalhe que jamais mudará o conceito de ser e nascer mulher. Mulher". Continua dizendo que "somente ela nasceu com a força e o poder de gerar outra vida".

A publicação gerou polêmica. A Mc Transoficial, por exemplo, foi uma das que comentaram na postagem: "Ser mulher, nascida com útero ou não, não faz a menor diferença. Sua filha entende a transexualidade como realmente merece. Não estou atacando, respeito sua idade e acho que nunca é tarde para se informar", escreveu. "Precisa ser transfóbico?", questionou outro internauta. "Transfobia é crime", alertou ainda um usuário da web.