Salvador

Kátia Vargas pode passar por um novo julgamento

Procuradora de Justiça Criminal emitiu um parecer favorável para a anulação do Tribunal do Júri de Kátia e pela realização de um novo julgamento

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O caso do acidente que matou os irmãos Emanuel e Emanuelle Gomes Dias pode ter um novo desfecho. De acordo com o Correio, a procuradora de Justiça Criminal Maria Augusta Almeida Cidreira Reis emitiu um parecer favorável, no dia 17 de maio, aos pedidos do Ministério Público e da defesa dos jovens para a anulação do Tribunal do Júri de Kátia Vargas Leal Pereira, e pela realização de um novo julgamento. O Tribunal de Justiça da Bahia irá avaliar o recurso nesta quinta-feira (02).

A médica Kátia Vargas foi absolvida em júri popular da acusação de ter provocado a morte dos irmãos no dia 6 de dezembro de 2017. No julgamento, não foi comprovado nenhum contato entre os veículos. O vídeo apresentado como prova apenas mostra o carro de Kátia e a motocicleta, com Emanuel e Emanuelle, passando pela frente do hotel Bahia Othon Palace, não houve nenhum tipo de perseguição por parte da médica.



Para ocorrer um novo julgamento, o parecer precisa ser analisado pelo Tribunal de Justiça, que é composto por quatro desembargadores. Em entrevista ao Correio, o advogado da família dos jovens, Daniel Keller, garante que antes do Tribunal julgar se é procedente o pedido de um novo julgamento, é preciso que a procuradoria seja ouvida. "A procuradoria se manifestou favorável à ambos os recursos. Agora o Tribunal tem que marcar a data do julgamento da apelação", explica. Ainda segundo ele, "independente do resultado, qualquer uma das partes pode entrar com recurso junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ)".