Saúde

Anvisa suspende cinco medicamentos nesta quarta-feira

Uso e comercialização dos produtos fica suspenso

Agência O Globo

Cinco medicamentos de dois fabricantes internacionais foram suspensos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A medida foi adotada após a realização de inspeções internacionais feitas pela Anvisa nos locais de fabricação. Com isso, a importação, o comércio e o uso dos medicamentos ficam suspensos até que os fabricantes corrijam os problemas identificados.

Confira os medicamentos suspensos:

Flumazenil 0,1 mg/mL
, solução injetável, fabricado pelo laboratório Hameln Pharmaceuticals GMBH (Alemanha) e importado pelo Instituto Biochimico Indústria Farmacêutica Ltda.

BONAR
(sulfato de bleomicina) pó liofilizado, fabricado por Lemery S.A. de C.V. (México) e importado pro Biosintética Farmacêutica Ltda

Tevableo (sulfato de bleomicina, pó liofilizado), Tevaetopo (etoposídeo, solução injetável), Tevairinot (cloridrato de irinotecano triidratado, solução injetável) e Tevavinor (tartarato de vinorelbina, solução injetável), fabricados por Lemery S.A. de C.V. (México) e importado por Teva Farmacêutica Ltda.