Com dupla do Bahia de titular, Seleção sub-20 inicia luta no Pan de Guadalajara


Ney Franco fará testes para os Jogos Olímpicos, em Londres

O ano de 2011 está sendo inesquecível para a Seleção Brasileira sub-20. Depois de garantir uma vaga em Londres-2012 com a conquista do título do Sul-Americano, o time alcançou o tetra no Mundial da Colômbia. Nesta quarta-feira, a equipe inicia sua trajetória nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara enfrentando a Argentina, às 20h (horário de Brasília), no Estádio Omnilife, querendo fechar com chave, ou melhor, medalha de ouro a temporada. Jorge Wagner é alvo do Bahia para 2012, garante presidente

A boa notícia para a torcida tricolor é que seus dois representantes, a princípio, estão escalados como titulares pelo técnico Ney Franco. Único lateral-direito convocado, era de se esperar que Madson começasse jogando, mas a novidade é Rafael Gladiador entre os 11. Ele vai jogar ao Henrique, do São Paulo, ex-Vitória, importante peça no título mundial sub-20 conquistado pela Seleção.

Ney Franco também planeja o título, que seria uma espécie de “tríplice coroa”, para entregar a Mano Menezes uma geração vencedora e que formará a base do grupo que disputará os Jogos Olímpicos do ano que vem. O treinador acredita numa competição difícil, a começar pelo clássico logo na estreia. Mas garante que, durante a preparação, o grupo mostrou potencial, mesmo sem contar com alguns de seus principais jogadores, como Neymar, Lucas e Oscar.

“A Argentina vem com jogadores que atuam em suas equipes principais, mas eu acredito num duelo equilibrado. O Brasil conta com jogadores como Lucas Zen, do Botafogo, Felipe Anderson, do Santos, e Felipe Amorim, do Goiás. Todos eles atuam com frequência em seus clubes. Pelo que fizemos nos treinos, acredito que estaremos numa tarde boa”avaliou o treinador.