Nem Te Conto

Ex de atacante do Palmeiras o acusa de agressão; jogador nega

De acordo com Leo Dias, colunista do Metrópoles, a confusão teria acontecido às 18 hrs desta segunda-feira (22)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)


O jogador Dudu, do Palmeiras, foi acusado pela ex-mulher, Mallu Ohanna, de agressão. Nesta semana, ela  registrou um Boletim de Ocorrência na 4ª delegacia seccional de polícia da Norte, em Casa Verde, bairro da Zona Norte de São Paulo. À Revista Quem, a assessoria de imprensa de Dudu afirmou, por meio de uma nota, que o atacante "está absolutamente tranquilo e certo de sua inocência".

De acordo com Leo Dias, colunista do Metrópoles, a confusão teria acontecido às 18 hrs desta segunda-feira (22). Ao chegar na casa de Dudu para buscar um computador que pertence ao filho do ex-casal, Mallu notou um comportamento estranho do jogador, e perguntou o que aconteceu. À delegacia, ela contou que sofreu agressões na cabeça, peitoral e puxões de cabelo.

"Sobre o boletim de ocorrência citado, informamos que Dudu, absolutamente tranquilo e certo de sua inocência, assim que soube da falsa acusação, se apresentou, nesta terça-feira (23), ao departamento responsável pela investigação, espontaneamente, sem qualquer intimação. Vale ressaltar, ainda, que todas as inverdades relatadas à polícia teriam acontecido em local público, com câmeras de segurança e na presença de testemunhas, o que facilitará o esclarecimento dos fatos e o prevalecimento da verdade", informou o comunicado enviado pela assessoria de Dudu à Revista QUEM. Mallu também foi procurada pela revista, que não obteve resposta.