Menu Lateral Buscar no iBahia Menu Lateral
iBahia > agenda cultural > cinema
Whatsapp Whatsapp
Homenagem

Sophie Charlotte relata emoção ao viver Gal Costa: 'Processo lindo'

Atriz falou sobre as cenas mais difíceis e maiores emoções durante gravações na pré-estreia do filme, que aconteceu nesta segunda (2), em Salvador

Redação iBahia • 02/10/2023 às 21:37 • Atualizada em 02/10/2023 às 23:49 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

A atriz Sophie Charlotte recebeu a grande missão de interpretar uma das vozes mais marcantes da Música Brasileira quando foi escolhida para viver Gal Costa em "Meu nome é Gal", filme dedicado a artista que chega aos cinemas no dia 19 de outubro. Em entrevista ao iBahia durante a pré-estreia do longa, que aconteceu nesta segunda-feira (2) no Cine Glauber Rocha, em Salvador, Sophie falou sobre os desafios de mergulhar na vida de Gal.


				
					Sophie Charlotte relata emoção ao viver Gal Costa: 'Processo lindo'
Foto; Nathália Amorim/ iBahia

Soteropolitana, Gal Costa tem uma relação íntima com a capital baiana e muito de sua personalidade artística foi inspirada nas ruas de Salvador. Essa conexão foi essencial para Sophie, que precisou se apropriar do dia a dia soteropolitano para se conectar com Gal em sua juventude.

Leia mais:

"Foi um processo muito lindo estar aqui e conhecer [Salvador], eu realmente me apaixonei pela cidade. Sempre que eu posso, eu venho, amo estar aqui", disse a artista, que buscou curtir a cidade enquanto fazia pesquisas sobre a trajetória de Gal.

O filme se passa entre os anos 1960 e 70, o filme explora a juventude da cantora e um momento crucial para sua carreira: quando Gal deixa Salvador. "É um momento em que ela estava saindo de Salvador então eu precisava entender o jeito, o dengo, os sabores, tudo isso que compõem o imaginário dessa Gal que está saindo daqui", conta Sophie.


				
					Sophie Charlotte relata emoção ao viver Gal Costa: 'Processo lindo'
Foto: Paris Filmes/Divulgação

As obras de Gal foram uma grande fonte de inspiração para Sophie, que encontrou ali traços da essência da artista.

"Eu acho que o artista revela através de sua obra muita coisa, é a sua voz expressiva no mundo. Para além da beleza do canto dela [Gal], cada escolha de como ela conta a história daquela letra para mim revela muito. O processo foi tentar montar um retrato, uma homenagem, a minha impressão sobre ela. Todos falam da doçura dela, da simplicidade, de como ela sempre foi reservada e nesses pontos eu acho que eu me encontro com ela, eu a entendo. E ao mesmo tempo entender a explosão dela como artista foi o grande desafio", explica Sophie.

A atriz pontuou ainda que cena mais bonita do filme foi a última a ser filmada. A cena foi gravada com Geroge Sauma, que interpreta Waly Salomão no longa, um amigo e parceiro de carreira de Gal Costa.

"A última [cena] que nós filmamos foi de Gal com Waly, eu sabia que aquilo ia fechar esse ciclo, a jornada dos sete", emocionou-se a atriz ao falar do momento.

As trocas com a própria Gal também foram importantes para que Sophie pudesse se sentir segura com o filme. A atriz contou que vivenciou momentos de troca com a cantora que foram essenciais para a realização do longa.

"Ela viu todo o conceito do filme, ouviu também minha voz gravada, o que é surreal. Eu estava com muito frio na barriga, mas foi lindo, ela super incentivou o filme. Eu me senti muito acarinhada, ela sempre foi muito carinhosa comigo", contou Sophie.


				
					Sophie Charlotte relata emoção ao viver Gal Costa: 'Processo lindo'
Foto: Ícaro Lima/ iBahia

A pré-estreia de "Meu nome é Gal" contou com a presença de grande parte do elenco, como o ator Luis Lobianco, a roteirista e diretora Lô Politi e a também diretora Dandara Ferreira. A primeira exibição do longa em Salvador foi também uma forma de homenagear a cantora, que nunca abandonou as raízes baianas.

"Ter a estreia aqui, a primeira exibição do filme foi uma conquista muito linda, eu estou muito emocionada de estrear o filme em Salvador", disse Sophie Charlotte.

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

RELACIONADAS:

MAIS EM CINEMA :

Ver mais em Cinema