Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > bahia
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Violência

Duas pessoas morrem e outras 10 são presas em operação no Recôncavo

'Operação Murus' investiga um grupo suspeito de homicídios, tráfico de drogas, roubo e extorsão em Salvador e na Região Metropolitana

Redação iBahia • 09/08/2023 às 7:01 • Atualizada em 09/08/2023 às 10:04 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

				
					Duas pessoas morrem e outras 10 são presas em operação no Recôncavo
Foto: Haeckel Dias / Ascom PC

Dez pessoas foram presas e duas morreram nas primeiras horas desta quarta-feira (9), durante a “Operação Murus” realizada em Salinas da Margarida, município do Recôncavo Baiano.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), a ação investiga um grupo suspeito de homicídios, tráfico de drogas, roubo e extorsão em Salvador e na Região Metropolitana.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

Ainda segundo a SSP-BA, o primeiro homem que morreu foi identificado como Cristiano Silva dos Santos, conhecido como "Cris do Murão". Ele é considerado chefe do grupo e foi preso em abril do ano passado por equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), mas já tinha saído da prisão.

"Cris do Murão" era suspeito de mais de oito homicídios na região do IAPI, em Salvador. A polícia informou que com ele foi apreendido uma pistola turca, calibre 9mm, e um veículo. Além dele, morreu ainda Douglas Aguiar de Santana. Este seria comparsa de 'Cris do Murão'.

Vale ainda pontuar que dos 10 presos, oito foram encontrados em Salvador e dois estavam no sistema prisional. Outros 19 mandados de busca e apreensão foram cumpridos pela operação.


				
					Duas pessoas morrem e outras 10 são presas em operação no Recôncavo
Foto: Haeckel Dias / Ascom PC

A "Operação Murus" conta com a atuação de mais de 200 policiais civis e militares. Além das equipes do DHPP, policiais do Departamento Especializado de Investigações Criminais (DEIC) e da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core), realizam as incursões, com o apoio do Departamento de Inteligência Policial (DIP).

Cães dos canis da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core) e do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) auxiliam na detecção de drogas e armas.

Também participam da operação guarnições do Comando de Policiamento Especializado (CPE), do Comando de Operações Policiais Militares (COPPM), do Comando de Policiamento Regional da Capital, Baía de Todos os Santos (CPRC/BTS), do BPChoque, da Batalhão de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo), da Rondesp BTS, do Comando de Operações de Inteligência (COInt), do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer), do Departamento de Polícia Técnica (DPT) e da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap).

Vídeo: Haeckel Dias / Ascom PC
Vídeo: Haeckel Dias / Ascom PC
Vídeo: Haeckel Dias / Ascom PC
Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM BAHIA :

Ver mais em Bahia