PM baiana apresenta mudanças nos uniformes a partir de 2 de julho


Foto: Divulgação / PM

A Políca Militar da Bahia começa a adotar mudanças nos uniformes a partir do dia 2 de Julho, dia em que é celebrado a independência do Brasil na Bahia. Na data, os uniformes dos coronéis já apresentarão modificações.

As mudanças no traje da PM foram definidas após um trabalho de pesquisa desenvolvido pela Comissão Revisional Permanente do Regulamento de Uniformes da PMBA (RUPM), que considerou como eixos condutores a economicidade, funcionalidade, modernização e o respeito aos valores institucionais.

Entre as modificações que enxugam os itens e custos estão a diminuição da quantidade de túnicas, a padronização de coletes e quepes, o uso unificado do mesmo cinto, luva, sapato e platinas em diferentes uniformes, além da padronização de uniformes para unidades diversas. Em relação à modernização, as mudanças fazem parte da renovação da imagem para os 200 anos da PMBA, que será celebrado em 2025.

“Trabalhamos no sentido de identificar o que era preciso melhorar no padrão dos uniformes e peças complementares utilizadas pela instituição, considerando fatores importantes como economia através de maior disponibilidade no mercado e consequente melhor custo, redução de uma média de 45% de itens, a padronização que evita a variação de cores, a valorização e a facilitação para uso em diferentes atividades”, explica o coronel Muniz, presidente da Comissão Permanente do RUPM.

Depois dos coronéis, os uniformes dos demais oficiais e aspirantes-a-oficiais serão mudados no dia 31 de outubro. Para praças, até o dia 31 de janeiro de 2023. Em face ao tempo de adaptação, o prazo final fica estendido até o dia 1º de julho de 2023, que valerá como obrigatoriedade para toda a tropa.

Leia mais sobre Bahia no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias

Veja também: