Suspeito de matar companheira e enteada na Bahia é preso, confessa crime e diz que agiu por ciúmes


Foto: Alberto Coutinho / GOVBA

O homem suspeito de matar a companheira e a enteada a facadas na cidade de Maragogipe, no recôncavo da Bahia, foi preso na terça-feira (16), três dias após o crime.

De acordo com a Polícia Civil, o homem, que tem 42 anos mas não teve o nome divulgado, confessou o crime e teria dito que a situação aconteceu durante uma briga do casal por ciúmes.

Segundo a polícia, o suspeito achava que estava sendo traído e atacou a companheira, identificada como Mônica de Jesus Ribeiro, de 40 anos, com quem tinha uma relação há pouco mais 11 meses.

A filha da vítima, Vanessa Mônica Ribeiro de Jesus, de 17 anos, teria tentado impedir o crime e acabou atingida também.

A mulher morreu no local do ataque. Já a adolescente chegou a ser socorrida e foi levada para uma unidade de saúde, mas não resistiu.

O suspeito fugiu após o crime, mas foi encontrado por policiais militares em uma casa em construção, nas proximidades de onde aconteceu o crime.

Após ser apresentado e ouvido na Delegacia Territorial de Maragogipe, o homem foi submetido a exames de lesões corporais e está à disposição da Justiça, aguardando transferência para o Sistema Prisional.

A faca utilizada no crime foi apreendida e encaminhada à perícia. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.

Leia mais sobre Bahia no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias