Sem feridos

Crianças ficam presas a seis metros de altura em brinquedo de parque da Grande São Paulo

De acordo com a administração do parque Cidade da Criança, o resgate demorou por volta de uma hora

Redação iBahia
23/06/2022 às 15h23

2 min de leitura
Foto: Cidade da Criança

Após uma falha mecânica, crianças ficaram presas em um brinquedo, a seis metros de altura, no parque Cidade da Criança, em São Bernardo Campo, localizado na Grande São Paulo. O caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (23) e não registrou feridos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, 20 crianças ficaram presas. Já de acordo com a prefeitura da cidade, assim como informou o parque, foram contabilizadas 10 crianças, de 10 a 13 anos, que estavam no brinquedo.

A assessoria da Cidade da Criança disse, em nota, que o resgate levou cerca de uma hora para ser feito, onde os pequenos foram retirados por meio de uma escada pelo Corpo de Bombeiros. A atração, chamada “Tapete Mágico”, gira em torno de um pêndulo e atinge seis metros do chão em seu ponto mais alto.

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, que acionou equipes para fiscalizar os procedimentos de remoção, afirmou que o equipamento será interditado para manutenção.

Em nota, a administração do parque explicou o ocorrido: “o Tapete Mágico (Tapis Volant) entrou em modo de segurança operacional, às 11h05 desta quinta-feira, quando 10 crianças estavam na atração, que tem capacidade para receber 40 pessoas. O procedimento técnico adotado visa à garantia da operação com total segurança e menor risco. O Corpo de Bombeiros foi acionado e, em menos de uma hora, todas as crianças foram retiradas da atração ilesas, sem nenhum ferimento“.

Leia mais sobre Brasil no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias