Fernando Grostein, irmão de Luciano Huck, revela ter sido vítima de estupro duas vezes


Fernando Grostein
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Fernando Grostein, irmão de Luciano Huck, revelou ter sido vítima de estupro em duas diferentes ocasiões. O relato do cineasta foi publicado nesta quarta-feira (31), pela Revista Piauí.

O profissional explicou os casos de violência sexual que passou e ainda desabafou sobre agressões feitas a pessoas que integram a comunidade LGBTQIAPN+.

“Eu era um adolescente com traços bastante andróginos. Quando tinha 14 anos, durante uma festa em uma boate, homens me seguraram à força”, iniciou.

“Desde então, passei a anular o meu modo de ser: empostava voz, para fazê-la mais grossa, e me reprimia na hora de caminhar, para parecer mais masculino”, disse Fernando Grostein.

De acordo com o artista, o primeiro estupro aconteceu após uma matéria sobre a paixão por flores ir ao ar e ele virar alvo de bullying.

“Foi uma matéria linda sobre um menino que cultivava plantas para escapar da dor do luto. Fiquei feliz e orgulhoso, mas houve um efeito colateral: a reportagem virou a minha vida de ponta-cabeça. Passei a ser chamado de ‘florzinha’ na escola. A minha voz e meu jeito de andar foram alvos de piada”, contou.

“Aos 28 [anos], fui estuprado mais uma vez, porém sobre este episódio não consigo falar ainda”, completou o cineasta.

Leia mais sobre Brasil em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias.

Veja também: