Brasil

Hackers invadem computador da esposa de Michel Temer

Uma reportagem publicada pela revista “Veja” no mês passado fez barulho nas redes sociais ao traçar um perfil de Marcela

Redação iBahia
07/05/2016 às 10h45

2 min de leitura
A Polícia Civil de São Paulo investiga a possibilidade de hackers terem invadido o computador pessoal de Marcela Temer, mulher do vice-presidente do Brasil, Michel Temer. Ao EXTRA a assessoria da corporação informa que o processo segue em sigilo absoluto.No entanto, informações publicadas na coluna do jornalista Claudio Humberto, do jornal “Metro”, apontam que a polícia já teria identificado a origem dos suspeitos: a cidade de Santo André, no ABC paulista. A coluna também relata a suspeita de “crime político” e que os suspeitos estariam fazendo chantagem, com a ameaça de vazamento de fotos e troca de mensagens entre Marcela e familiares.Bela, recatada e do larUma reportagem publicada pela revista “Veja” no mês passado fez barulho nas redes sociais ao traçar um perfil de Marcela. Encarada como “quase primeira-dama”, Marcela também foi definida na matéria como “bela, recatada e do lar”.Tal perfil, em questão de horas, provocou um tsunami de posts no Facebook criados por mulheres em tom de crítica à reportagem. Começaram, então, a pipocar pela timeline fotos de mulheres no bar, na pista de dança, bebendo com as amigas…sendo o que querem ser.Também foi criado um tumblr colaborativo levando o nome que já virou meme: “Bela, recatada e do lar”. “Tudo bem ser bela, recatada e do lar. Tudo bem ser o completo oposto disso. Porque ao contrário do que a Veja gostaria de impor, as mulheres vão ser o que elas bem entenderem!”, diz o texto de apresentação do site.