Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > brasil
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
BRASIL

Lula vai a hospital de SP para sessão de fonoaudiologia

Sessão faz parte do tratamento de ex-presidente após câncer. Exames que vão avaliar situação do câncer ocorrem na próxima semana

• 23/03/2012 às 15:26 • Atualizada em 03/09/2022 às 4:05 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!
Lula deixa Hospital Sírio-Libanês após tratamento de pneumonia
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estava no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para fazer uma sessão de fonoaudiologia por volta das 10h50 desta sexta-feira (23). Segundo a assessoria de imprensa do ex-presidente, as sessões fazem parte da recuperação de Lula, que passou por um tratamento contra um câncer de laringe entre outubro de 2011 e fevereiro deste ano. Os exames para avaliar a situação do câncer de Lula, que inicialmente estavam previstos para esta sexta-feira, foram remarcados para a próxima semana, segundo médicos de sua equipe do Hospital Sírio-Libanês. Segundo, os especialistas a data ainda não foi definida. A remarcação dos exames ocorreu devido à internação de Lula por conta de uma pneumonia, no início de março, segundo o oncologista Paulo Hoff, médico da equipe responsável pelo ex-presidente. "Ele teve uma internação recente. Nós optamos por deixar passar mais tempo antes de fazer os exames", afirmou Hoff. O ex-presidente recebeu no dia 16 a última dose do remédio contra a pneumonia que o manteve internado por vários dias. Ele havia dado entrada no Sírio-Libanês no dia 4 de março e permaneceu até o dia 11 no hospital. Segundo os médicos, o tratamento contra o câncer de laringe a que o ex-presidente foi submetido entre outubro de 2011 e fevereiro deste ano pode ter deixado sua saúde mais frágil. "Num paciente da idade do Lula, que acabou de passar por um tratamento [de câncer] agressivo, qualquer coisa é grave, uma gripe pode ser grave", disse o infectologista David Uip, à época. Lula, que luta contra um câncer de laringe diagnosticado em outubro, teve alta do tratamento no próprio Sírio-Libanês no dia 17 de fevereiro. Durante a quimioterapa, exames mostraram que o tumor na laringe do ex-presidente havia sido reduzido em 75%. Na semana passada, o ex-presidente ganhou um quadro da artista plástica Fernanda Galvão, de 18 anos, que foi sua vizinha de quarto durante o tratamento no Sírio-Libanês. Fernanda faz quimioterapia por conta de um câncer, o mesmo tipo de tratamento pelo qual passou Lula.

Leia mais:

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM BRASIL :

Ver mais em Brasil