Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > casamentos
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
CASAMENTOS

Colunista: Exame pré-nupcial e a harmonia do casamento

O exame pré-nupcial é importante para quem vai casar, pois pode indicar infertilidade ou doenças venéreas

• 15/01/2016 às 10:47 • Atualizada em 28/08/2022 às 8:21 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!
Muito se fala sobre casamento, detalhes, lista de convidados, decoração, vestido da noiva, mas pouco destaque comercialmente falando, tem a saúde sexual do casal. Por isso é muito importante que o casal tenha consciência da necessidade de fazer os exames pré-nupciais para a harmonia do casamento. Quando se fala em casamento, logo se imagina em família e filhos.O exame pré-nupcial é importante para quem vai casar, pois pode indicar infertilidade ou doenças venéreas a tempo de fazer o tratamento e evitar futuros aborrecimentos para o casal. Hoje em dia, a maioria dos casais, tem uma vida sexual ativa antes do casamento, e poucos se atentam a fazer o “check up” antes do casamento.A avaliação inclui não apenas exames de sangue, urina e imagem, mas também orientações para esclarecer dúvidas que os noivos possam ter. Assim, fica mais seguro começar essa nova etapa da vida de maneira saudável e tranquila. Mas é importante salientar que toda essa avaliação deve ser individualizada e muitas vezes os exames irão variar de pessoa para pessoa, de casal para casal, de acordo com o histórico pessoal e familiar de cada um. É exatamente por isso que o mais importante é passar em consulta médica.
O exame pré-nupcial é importante para quem vai casar, pois pode indicar infertilidade ou doenças venéreas
Homens: • Espermograma completo • Tipagem de sangue • HIV 1 e 2 (AIDS) • Vdrl (sífilis) • Hepatite B • Hepatite C Mulheres: • Tipagem de sangue • HIV 1 e 2 (aids) • Vdrl (sífilis) • Hepatite B - se a mulher não teve, tomará vacina antes de engravidar • Hepatite C • Rubéola - se a mulher não teve, tomará vacina antes de engravidar • Citomegalovirus - precisa de acompanhamento durante toda a gravidez • Toxoplasmose • Exame das trompas • Exame de endometriose Importante destacar que no caso de casais com a noiva acima de 35 anos, é imprescindível que seja feito um acompanhamento com o médico de reprodução humana para orientá-los da melhor forma possível. Se o casamento é entre primos, se existem familiares com deficiências intelectuais, defeitos congênitos, entre outras situações, o aconselhamento genético também deve ser indicado. Os casais que não pretendem engravidar, imediatamente, devem discutir os métodos contraceptivos que utilizarão. O uso de preservativo é uma questão que lida com aspectos relacionados à confiança, respeito mútuo e religiosidade do casal e deverá ser discutido por cada casal. Entretanto, eu como educadora sexual preciso alertá-los sobre os riscos das DST ( Doenças Sexualmente Transmissíveis), que infelizmente crescem principalmente entre casais. Para as virgens pode ser realizada a ultrassonografia transretal que é o melhor, mostrando informações sobre possíveis cistos nos ovários ou miomas que podem atrapalhar uma futura gravidez. As pacientes virgens devem, depois de iniciada a vida sexual, retornar ao ginecologista para realizar o exame Papanicolau. Por isso, cuide-se! E cuide do seu relacionamento também.

Leia mais:

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM CASAMENTOS :

Ver mais em Casamentos