O que NÃO fazer na confraternização de fim de ano da empresa


Foto: Reprodução

O final do ano está chegando e junto com o calendário aquelas reuniões para o amigo secreto (amigo oculto), as confraternizações e a ansiedade pelo recesso do natal e ano novo. Mas vamos lá: qual o propósito real desses encontros?

É como aquela reunião em família para o natal: comes e bebes, falar da vida alheia, perdoar o próximo, celebrar a união e querer a certificação de que está tudo está bem. A diferença é: a confraternização de final de ano no âmbito profissional, não é uma reunião de familiares e amigos. É um encontro com seus colegas de trabalho. Muitas vezes com seu chefe ou seu líder presentes.

Como é uma confraternização tudo parece ali muito informal, mas só parece. O problema é quando algumas pessoas não sabem dosar essa informalidade, principalmente quando abusam da cervejinha, do whisky e do energético. É nesse momento que muita gente perde a censura e o pudor, ora seja para falar mal dos colegas ou do chefe, ora para passar aquela cantada em uma pessoa que você deveria manter a formalidade.

Você já deve ter presenciado uma ressaca moral de um colega no dia seguinte a confraternização justamente por uma saia justa causada durante o encontro. Você já se imaginou numa situação dessas?

Foto: Reprodução

Pois é então fique aqui com as minhas 03 dicas de hoje para CONFRATERNIZAÇÃO DE FIM DE ANO:

  • 01 – Não exagere nas bebidas com teor alcóolico. Lembre que você está numa festa com seus colegas de trabalho e não numa balada.
  • 02 – Bom senso. Evite temas polêmicos nas suas conversas, procure sempre falar de acontecimentos positivos que ocorreram durante o ano.
  • 03 – Traços do comportamento nas relações interpessoais podem estar sendo observados, então aposte na boa comunicação e na relevância de cada pessoa presente na confraternização.

Normalmente dou palestras em confraternizações de empresas no final do ano e percebo que os organizadores têm tido mais cautela para evitar comportamentos indesejáveis. E o horário e a formatação do evento têm mudado, o que acaba cirando um ambiente propício para aprendizagem e celebração.

O real propósito dessas festas de fim de ano é estreitar as relações interpessoais, qualificar o ambiente de trabalho e celebrar a chegada de um novo ano dentro da empresa com otimismo.

Agora me diz uma coisa: pra você uma festa de confraternização da empresa é apenas mais uma festa ou uma oportunidade para estreitar relações e trabalhar a sua imagem profissional?

Leia mais sobre Empregos no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias.