Combate a Fake News

Como ajudar a desmascarar uma fake news em grupos de família?

Grupos de redes sociais online com parentes tendem a ser os principais meios de multiplicação de notícias falsas

Especial de Conteúdo
- Atualizada em

Oferecimento
Os grupos de família no WhatsApp ganharam fama de ser um ambiente de compartilhamento de fake news, especialmente na época das eleições de 2018. A fama, porém, é justificada. De acordo com pesquisa do Monitor de Debate Político no Meio Digital, órgão da Universidade de São Paulo (USP), os grupos com parentes são os principais meios de multiplicação de notícias falsas.

Em 2018, os pesquisadores analisaram a resposta de 1.145 internautas que haviam recebido fake news sobre a morte da vereadora Mariele Franco. A pesquisa mostrou que as notícias falsas sobre o assunto circularam mais em grupos de família (51%) do em que de amigos (32%) e de colegas de trabalho (9%).

Como desmarcar a fake news?

Nesse ambiente familiar virtual, quando você se depara com uma notícia que sabe ser falsa, pode ficar na dúvida se ignora e evita atrito ou se alerta sobre o conteúdo falso. Mas como fazer esse alerta de modo eficiente?

- Converse só com a pessoa: 

Ao ser exposto publicamente, a pessoa pode reagir de maneira agressiva. Por isso, prefira alertar a quem enviou o link de uma fake news através de uma mensagem em particular.

- Seja educado: 

Não comece dando uma lição de moral ou acusando a pessoa de má fé. Às vezes, o compartilhamento foi feito por falta de informação. Por isso, seja educado e mostre o porquê da notícia não poder ser compartilhada.

- Dê dicas: 

Não apenas aponte que a notícia é falsa e encerre o assunto. Dê dicas para a pessoa identificar, em outras situações, uma fake news. Recomende, por exemplo, que ela cheque em sites grandes e oficiais se aquela informação foi publicada ou que leia o texto todo com atenção.

- Sugira admitir o erro:

Sugira que a pessoa peça desculpas e admita o erro no grupo, para que os demais participantes saibam que se trata de uma fake news e não compartilhem.

Mudança no compartilhamento

Para diminuir o compartilhamento de fake news, o WhatsApp limitou a um contato por vez os encaminhamentos de mensagens. Antes, era possível enviar para cinco pessoas simultaneamente. 

A medida foi adotada no início de abril para todos os usuários do aplicativo no mundo e tem como principal objetivo conter a propagação de fake news em meio à pandemia do novo coronavírus. De acordo com a empresa, com a medida, os reenvios em massa caíram em 70%.