Nova direção do Pros revoga candidatura de Pablo Marçal à Presidência


Foto: Reprodução

A nova direção do Pros definiu pela retirada da candidatura presidencial de Pablo Marçal. A decisão foi formalizada em Brasília, na sexta-feira (6).

A retirada da candidatura própria ocorreu de forma unânime em votação feita com os 29 presentes na reunião, segundo ata registrada pelo Pros no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Sem o coach e influenciador digital na disputa, a nova executiva do Pros pretende declarar apoio a Lula (PT) já no primeiro turno da eleição à Presidência da República.

Na sexta (5), Marçal já havia se pronunciado sobre a possibilidade da candidatura ser revogado. Ele afrimou que pretende recorrer da retirada e definiu o movimento como golpe.

“Minha candidatura é um ato jurídico perfeito, dentro do prazo hábil. Tem que ter um prazo para divulgação o que está rolando agora é um golpe, estão fazendo uma reunião de maneira escusa”, afirmou.

Leia mais sobre Eleições 2022 no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias