Eleições 2022

PCB oficializa Giovani Damico como candidato a governador da Bahia

O evento aconteceu no Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), no bairro de Nazaré, em Salvador

Alan Oliveira
02/08/2022 às 15h01

3 min de leitura
Foto: Alan Oliveira / iBahia

O Partido Comunista Brasileiro (PCB) oficializou Giovani Damico como candidato a governador da Bahia nesta terça-feira (2), durante convenção realizada em Salvador. João Coimbra (PCB) foi confirmado como vice.

O evento aconteceu no Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), no bairro de Nazaré, e teve a presença de candidatos a deputado pelo partido e apoiadores.

A convenção começou pouco depois das 14h, com a chegada de Damico e Coimbra. Eles falaram com a imprensa e, em seguida, deram início ao anúncio. Tudo aconteceu em um auditório localizado no interior do prédio.

Durante entrevista, Damico informou que as principais bandeiras do seu mandato, caso seja eleito, são o combate ao desemprego e à fome, além da melhoria da segurança pública no estado.

“Se a gente fosse virar debaixo do tapete o tanto que temos são uma série de pautas urgentes, mas a gente tem batido muito que existem três pontos que a gente vai ter que enfrentar. O João já trouxe a questão da Segurança Pública, porque não é possível que a gente tem a juventude negra e periférica da Bahia sendo morta todos os dias toda semana, né? Então uma reversão radical do genocídio negro a partir de uma reestruturação completa da política de segurança pública. A questão da fome em nosso Estado, que perpassa diretamente a questão da terra, a redistribuição da terra a presença direta do estado com a reestruturação da IPDA para garantir que a terra na Bahia produza comida e a gente saia desse cenário de população baiana está passando fome”, disse.

“E, para fechar, nós temos uma terceira questão que a questão do trabalho. Não dá para Salvador continuar sendo a capital do desemprego e a Bahia sendo um estado recordista de desemprego, então nós temos colocado esses com três pontos estruturantes, mas que vão ser articular uma uma política educacional muito forte. Somos também da área de educação, então tem a restruturação da educação, assim como a política de saúde, mas trazemos essas três como um carro chefe”, completou.

Perfil

Giovani Damico tem 29 anos, mas completa 30, idade mínima para o cargo, antes da votação. Ele nasceu no município de Santa Cruz das Palmeiras, no interior de São Paulo, e mora na capital baiana desde os 3 anos de idade.

Giovani é casado e tem uma filha. Ele é geógrafo, e professor da rede básica de ensino na rede estadual. Iniciou a militância no movimento estudantil da Universidade Federal da Bahia (Ufba), e ajudou a fundar um dos núcleos da União Juventude Comunista em Salvador.

Giovani foi candidato a vereador da capital em 2020, e concorre pela primeira vez ao cargo de governador do estado.

Leia mais sobre Eleições 2022 em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias