Entretenimento

Fãs de Raúl Seixas prestam tributo ao ídolo em Biblioteca

Considerado um dos principais ícones do rock brasileiro, Raul Seixas será homenageado, na próxima quinta-feira (21), às 15h, com a 6ª edição do “Tributo a Raul Seixas”, uma atividade promovida pelo Setor Braille da Biblioteca Pública do Estado (Barris). Na ocasião, usuários do setor e o público em geral poderão relembrar clássicos do cantor, através das músicas que serão tocadas por fãs e compositores baianos. Dentre os convidados para se apresentarem, estão os cantores Marcos Welby e Carlos Alberto Santa Rita, ambos deficientes visuais. Raul Seixas – Nascido no dia 28 de junho de 1945, em Salvador-BA, Raul dos Santos Seixas, iniciou a sua paixão pela música sendo fã de Elvis Presley. Aos 14 anos fundou um fã-clube brasileiro do cantor (Elvis Rock Club). Em 1962, Raul montou sua primeira banda chamada inicialmente de “Os Relâmpagos do Rock”. Gravou seu […]


13/08/2008 às 18h59

2 min de leitura

Considerado um dos principais ícones do rock brasileiro, Raul Seixas será homenageado, na próxima quinta-feira (21), às 15h, com a 6ª edição do “Tributo a Raul Seixas”, uma atividade promovida pelo Setor Braille da Biblioteca Pública do Estado (Barris).

Na ocasião, usuários do setor e o público em geral poderão relembrar clássicos do cantor, através das músicas que serão tocadas por fãs e compositores baianos.

Dentre os convidados para se apresentarem, estão os cantores Marcos Welby e Carlos Alberto Santa Rita, ambos deficientes visuais.

Raul Seixas – Nascido no dia 28 de junho de 1945, em Salvador-BA, Raul dos Santos Seixas, iniciou a sua paixão pela música sendo fã de Elvis Presley. Aos 14 anos fundou um fã-clube brasileiro do cantor (Elvis Rock Club). Em 1962, Raul montou sua primeira banda chamada inicialmente de “Os Relâmpagos do Rock”. Gravou seu primeiro LP em 1968, mas somente em 1972 conseguiu repercussão nacional ao classificar duas músicas no Festival Internacional da Canção. Raul Seixas é compositor de músicas como “Tente outra vez”, “Sociedade Alternativa” e “Ouro de tolo”, seu primeiro grande sucesso.