Conselho do Fla aprova adiantamento de R$ 40 milhões das cotas de TV


O Conselho de Administração do Flamengo aprovou na noite de quinta-feira (21) o pedido de adiantamento das cotas de transmissão de TV, feito pela presidente Patricia Amorim. Desta forma, o clube tomará R$ 40 milhões de imediato. O dinheiro será usado para quitar a folha salarial até o fim deste ano.

Nesta quarta, o Conselho Fiscal tinha sido contrário ao adiantamento. Entretanto, o parecer não tinha poder de veto e o assunto foi levado ao Conselho de Administração, que é formado em sua maioria por aliados da presidente Patricia Amorim. Lá, o adiatamento acabou aprovado.

Como deve ser – Segundo o documento, o Rubro-Negro compromete-se a pagar o adiantamento de R$ 40 milhões ao banco que o avalizará em 48 parcelas a juros mensais de 1,7%. Nestas condições, para quitar o financiamento, o clube terá que desembolsar R$ 58,83 milhões até 2015 (o mandato da atual diretoria termina no fim do próximo ano).