Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > esportes > e.c bahia
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
8ª rodada

Bahia derruba invicto Fortaleza e mantém vice-liderança do Brasileirão

Jean Lucas marca, Bahia vence Fortaleza e retoma a vice-liderança do Brasileirão

Naiana Ribeiro • 14/06/2024 às 7:27 • Atualizada em 14/06/2024 às 8:20 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

Mesmo sem fazer uma partida brilhante, o Bahia foi eficiente e venceu o Fortaleza por 1 a 0, nesta quinta-feira (13), na Arena Fonte Nova. O jogo de futebol foi válido pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro.


				
					Bahia derruba invicto Fortaleza e mantém vice-liderança do Brasileirão
Bahia derruba invicto Fortaleza e mantém vice-liderança do Brasileirão. Foto: Reprodução/X/@ecbahia

No primeiro tempo, Renato Kayzer marcou, porém o gol do Fortaleza foi anulado por impedimento. Apesar dos cearenses demonstrarem mais iniciativa no ataque, o embate foi marcado por jogadas truncadas nos primeiros 45 minutos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

No segundo tempo, Jean Lucas balançou as redes, registrando o único gol da partida. Antes disso, Biel havia acertado a trave para o Bahia. Apesar da pressão do Fortaleza no final, a equipe não conseguiu igualar o placar.

Com a vitória, o Bahia chegou aos 17 pontos em oito jogos, e manteve a vice-liderança (o time começou a rodada nesta posição). Os comandados de Rogério Ceni têm a mesma pontuação do líder Flamengo, mas levam desvantagem no saldo de gols (4 a 8).

O Fortaleza, derrotado pela primeira vez na competição, ficou com 10 pontos. A equipe perdeu posições e agora é a 11ª colocada, após sete jogos.

O Bahia encara o Criciúma na nona rodada do Brasileirão. As equipes entram em campo no Estádio Heriberto Hulse, no próximo domingo (16), às 18h30 (de Brasília).


				
					Bahia derruba invicto Fortaleza e mantém vice-liderança do Brasileirão
Bahia derruba invicto Fortaleza e mantém vice-liderança do Brasileirão. Foto: Letícia Martins/EC Bahia

O Fortaleza também volta a campo no próximo domingo (16), às 18h30 (de Brasília). A equipe visita o Cuiabá, na Arena Pantanal.

Como foi o jogo do Bahia contra o Fortaleza?

O Fortaleza desfrutou de maior posse de bola, mantendo-se predominantemente no campo adversário, buscando com paciência, porém sem sucesso, criar oportunidades de gol. Enquanto isso, o Bahia optou por ataques mais rápidos, com poucos toques até penetrar na área rival. O primeiro tempo transcorreu de forma truncada, com uma leve superioridade dos visitantes. Contudo, cada equipe teve uma grande chance dentro de sua abordagem tática.

Aos 13 minutos, o Bahia quase abriu o placar. Everton Ribeiro conduziu a bola até a meia-lua e a passou para Jean Lucas, que surgiu como elemento surpresa. Em um mano a mano com o goleiro, o volante finalizou mal e isolou a bola.

Embora o Fortaleza tenha marcado um gol, este foi anulado. Aos 34 minutos, Breno Lopes cruzou na marca do pênalti e Renato Kayzer cabeceou com força para as redes. No entanto, o árbitro assinalou impedimento do atacante do Fortaleza, invalidando o gol de forma correta.

A equipe do Fortaleza persistiu com a iniciativa no ataque, mas colheu os frutos cedo no segundo tempo. Logo aos 3 minutos, Martínez avançou livremente e arriscou um chute de fora da área. Marcos Felipe defendeu, porém a bola voltou para Martínez, que tentou novamente. Desta vez, a bola passou muito perto do ângulo direito do goleiro.

Martínez desperdiçou outra oportunidade durante o bom momento do Fortaleza. Aos oito minutos, após um cruzamento da direita, o meio-campista se lançou para tentar antecipar a defesa e tocar a bola na primeira trave. A bola passou rente à trave e Renato Kayzer quase conseguiu completar para o gol.

Apesar de não criar muito, o Bahia quase marcou duas vezes, aproveitando erros de Titi. Primeiramente, aos 16 minutos, o zagueiro perdeu a bola na saída de jogo e foi desarmado por Estupiñán; o atacante do Bahia avançou com apenas o goleiro pela frente, mas não conseguiu finalizar com precisão. Mesmo assim, a bola passou perto da trave e causou apreensão.

Aos 23 minutos, o Bahia acertou a trave. A melhor oportunidade do jogo até então surgiu de um passe que Titi desviou para trás. Biel recebeu a bola, driblou um zagueiro e bateu forte dentro da área, acertando a trave.

Após essas chances, o Bahia melhorou no jogo e passou a dominar as ações ofensivas. Por outro lado, o Fortaleza apostava nos contra-ataques. Aos 29 minutos, Estupiñán foi lançado por Biel na grande área. Ele chutou forte, mesmo sem ângulo, e forçou João Ricardo a fazer uma grande defesa.

A dupla Everton Ribeiro e Jean Lucas funcionou e o Bahia abriu o placar. Se no primeiro tempo o volante desperdiçou uma oportunidade clara, aos 35 minutos do segundo tempo ele não perdoou. Everton Ribeiro cruzou da direita e Jean Lucas se adiantou na primeira trave para cabecear forte e marcar.

Com mais jogadores ofensivos em campo, o Fortaleza buscou o empate nos minutos finais. Após uma falha defensiva do Bahia, Machuca ficou cara a cara com Marcos Felipe, que fez uma excelente defesa.

Os visitantes tentaram até o último instante, principalmente com bolas alçadas na área, porém não conseguiram igualar o placar.

Ficha técnica do jogo - Bahia 1 x 0 Fortaleza

Estádio: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA);
Data e horário: 13 de junho de 2024 (quinta-feira), às 21h30 (de Brasília);
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima;
Cartões amarelos: Kanu, Caio Alexandre e Marcos Felipe (BAH); Juan Pablo Vojvoda (FOR);
Gol: Jean Lucas, aos 35 minutos do segundo tempo.

  • BAHIA

Marcos Felipe; Gilberto (Cicinho), Gabriel Xavier, Rezende e Juba; Caio Alexandre, Jean Lucas, Everton Ribeiro e Cauly (Carlos De Pena); Ademir (Biel) e Everaldo (Estupiñán). T.: Rogério Ceni.

  • FORTALEZA

João Ricardo; Tinga, Brítez, Titi e Felipe Jonatan; Pedro Augusto, Zé Welison (Machuca), Martínez (Yago Pikachu) e Hércules (Pochettino); Renato Kayzer (Lucero) e Breno Lopes (Pedro Rocha). T.: Juan Pablo Vojvoda.

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM E.C BAHIA :

Ver mais em E.C Bahia