Presidente da Fifa alfineta Brasil e elogia Rússia


O presidente da fifa, Joseph Blatter, revelou neste domingo (30) que a Rússia está adiantada um ano no calendário da organização do Mundial-2018. O projeto da Copa no país custura R$ 20 bilhões de dólares. Blatter aproveitou para alfinetar as obras da Copa de 2014.

“Estamos um ano adiantados no calendário. Ao contrário (do Brasil), os russos começaram a trabalhar muito duro desde o início. Em um novo enfoque. Estou contente”, disse o Blatter, companhia do ministro dos Esportes russo, Vitali Moutko.

Assim como o Brasil, a Rússia precisará reconstruir ou reformar a maioria dos estádios para o Mundial. Além das arenas, será preciso construir estradas, ferrovias, aeroportos e hotéis em várias cidades-sedes.

Leia mais notícias de futebol