Vestido de R$ 3 mil que imita corpo nu vira peça de desejo no mundo da moda


Foto: Reprodução

A moda agora é, andar “semi-pelado”. Um vestido polêmico para os conservadores, entrou na lista dos itens mais desejados entre os fashionistas. A peça, batizada de “naked dress”, da grife francesa Jean Paul Gaultier, vem dando o que falar na web.

O look é um dos itens citados na lista de “peças mais quentes” do The Lyst Index, relatório trimestral que analisa o comportamento do consumidor com base nas marcas e produtos mais populares do mundo fashion.

A peça, feita em parceria com a estilista russa Lotta Volkova, já aparece como esgotada no site da grife. Quando estava em venda, o vestido estava sendo comercializado por 590 euros, o que em conversão para a moeda brasileira chega a custar R$ 3.106,84.

A tendência que imita o corpo nu feminino já tinha dado as caras em outras peças da mesma marca. No início do verão norte-americano, a estampa apareceu em um dos biquínis da socialite Kylie Jenner. A modelo Sokhna Cisse também chamou atenção ao usar um body que imita o corpo nu.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Os trajes de banho estavam sendo vendidos entre 140 euros e 590 euros, na moeda brasileira R$ 772 a R$ 3,2 mil.

Leia mais sobre Moda no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias

Veja também: