Nem Te Conto

Com 20 kg a menos, Luiza Possi brinca: ‘Hoje, estou um fenômeno'

Atualmente, cantora afirma que se sente uma nova mulher

Redação iBahia
03/07/2016 às 9h57

3 min de leitura

Ela já era linda, ídolo teen, dona do próprio nariz… Mas faltava alguma coisa para Luiza Possi, de 32 anos (recém-completados no último dia 26), considerar-se completa. Aliado ao belo encontro com o pop e o eletrônico, que a cantora deixa evidente no CD “LP” (2016), a loura resolveu ouvir a voz do seu corpo e eliminou cerca de 20 quilos. Atualmente, ela afirma, sente-se uma nova mulher.

— Hoje, estou um fenômeno — brinca ela, do alto de seu 1,61m, reconfigurado em 50kg: — Eu tinha engordado 20 quilos nos últimos anos. Chegou um momento em que eu quis e precisei mudar de vida. Caso contrário, ficaria num eterno sofrimento. Na verdade, meu corpo pedia mudanças. Estava sempre inchada, a bexiga doía, o intestino não funcionava… Passava mal sempre. Aí fiz uma série de exames e resolvi fazer bem a mim mesma.
 
Veja também: Luiza Possi deixa a modéstia de lado e admite: ‘Símbolo sexual? Tenho um pouco disso, sim’
Na lista de itens contraindicados na dieta da filha de Zizi Possi estão glúten, lactose, bebidas destiladas e doces.
— Eu tive o acompanhamento de um endocrinologista. Ele regulou todos os hormônios que estavam errados. Com esse auxílio, fui me entendendo de verdade e malhando. Estou falando com você ao telefone e colocando o tênis para me exercitar. Eu preciso suar, é uma necessidade minha — confessa.
A ânsia em estar com a saúde perfeita e com as formas ideais fizeram, no entanto, com que a cantora exagerasse no regime e nos exercícios aeróbicos. O organismo, mais uma vez, acendeu o sinal vermelho.
— Eu estava muito magra, com apenas 47kg. Não era legal! As pessoas sempre comentavam sobre o meu corpo, tanto pessoalmente como pela internet… Sem falar que eu me sentia fraquinha. Corria porque gostava, mas tive que parar. Deixei de fazer atividades que queimavam calorias porque não podia perder mais nenhum grama. Eu precisava ganhar força, massa muscular — detalha Luiza, que mais uma vez teve que reorganizar sua rotina.

A cantora, então, começou a tomar aminoácidos, que a ajudaram a recuperar peso e focou mais na musculação.
— A galera reclamava que eu estava parecendo um pangaré — diverte-se ela, que na última edição do “The voice Brasil” chamou atenção pela beleza como assistente do técnico Michel Teló: — Hoje, eu me exercito muito corretamente. Com isso, minha bunda cresceu e virei uma mulher de novo.
Apesar de todo sacrifício feito até chegar no manequim 36, que ela considera o ideal para seu biotipo, Luiza avalia que a nova fase não lhe traz sofrimento.
— Não é difícil manter a rotina. Atualmente, o mais complicado é sair para comer com amigos que gostam de pizza. Levo meu shake, minha salada… Na medida do possível, tento entrar num acordo com a galera. Abro mão da comida, mas não abro mão de mim — garante ela, que voltou a ser elogiada nas redes sociais pelos fãs.