Declaração polêmica

Mara Maravilha reproduz fake news sobre Daniela Mercury e critica cantora: ‘O talento se apagou’

A fake news em questão é um vídeo manipulado divulgado por Eduardo Bolsonaro que fez parecer que Daniela teria dito que Jesus é gay

Redação iBahia
22/07/2022 às 10h54

2 min de leitura
Foto: Reprodução/ Instagram

A apresentadora Mara Maravilha resgatou uma fake news envolvendo a cantora Daniela Mercury para criticar a artista por supostamente ser hipócrita com o público LGBTQIA+.

Em entrevista ao programa de rádio Chupim, a baiana soltou os cachorros para a ‘Rainha Má’ e ao comentar o vídeo manipulado para parecer que Daniela teria dito que Jesus é gay.

“Vocês podem pegar um vídeo da Daniela ai, onde ela desrespeitou ao Senhor Jesus Cristo e aos homossexuais. Ela desrespeitou quando ela falou assim: ‘Porque Jesus, ele é gay’. Como assim? Ela está ofendendo os gays? Está aí na internet”.

O vídeo em questão rendeu um processo movido por Daniela contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL) por difamação. A artista pede o pagamento de uma indenização pelo filho do presidente Jair Bolsonaro (PL) por ter compartilhado a montagem.

A declaração da artista foi retirada de um vídeo em protesto a proibição da exibição de uma peça no Festival de Inverno de Garanhuns, em 2018 e na ocasião, Daniela Mercury fala sobre Renato Russo ser gay ao introduzir a canção ‘Tempo Perdido’ em seu repertório.

Mara, que diz ter sido uma das primeiras pessoas a dar oportunidade a Daniela Mercury na TV, na época que era do SBT, afirma ainda que se arrepende de ter dado espaço para a cantora.

“Tenho vergonha de um dia ter sido a primeira pessoa que te apresentou na televisão para o cenário brasileiro. O talento que você tem, pra mim se apaga quando você mostra o ser humano que tem se tornado”, explodiu Mara.

Daniela não se pronunciou sobre as declarações dadas por Mara Maravilha.

Leia mais sobre Celebridades em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias