Primeiro gay assumido da NFL comemora com beijo no namorado


Sam é o 2º atleta das grandes ligas americanas a se assumir

O defensor Michael Sam vai defender o time do St. Louis Rams na liga de futebol americano dos Estados Unidos, a NFL. O atleta, que tem 24 anos e é assumidamente gay, foi selecionado na sétima rodada do chamado “draft”. O momento histórico do esporte dos EUA foi comemorado pelo jogador com um beijo em seu namorado.

Leia mais sobre esporte

Várias emissoras de televisão acompanhavam Michael no momento em que ele recebeu a ligação que informava a seleção. Alegre, ele chorou de emoção antes de festejar ao lado do companheiro. Sam é o segundo atleta das grandes ligas americanas a se assumir homossexual. Antes dele, Jason Collins, que entrou para o Brooklyn Nets, da NBA, liga de basquete, tornou pública sua opção sexual.
Sucesso de vendas – A camisa de Michael Sam já faz sucesso nos Estados Unidos. Segundo o site CBS Chicago, a demanda pela camisa dele no St. Louis Rams é uma das mais solicitadas desde que foi colocada à venda no site da NFL. A camisa custa US$ 99,95 (cerca de R$ 221) e tem o número provisório 10.

Veja também: