Menu Lateral Buscar no iBahia Menu Lateral
iBahia > notícias > saúde
Whatsapp Whatsapp
Saúde

Terceira morte por dengue é confirmada na Bahia

Além das mortes, número de cidades em estado de surto/epidemia de dengue também cresceu para 38

Alan Oliveira • 19/02/2024 às 16:53 • Atualizada em 19/02/2024 às 18:00 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) confirmou nesta segunda-feira (19) a terceira morte por dengue ocorrida no estado somente neste ano. O número de cidades em surto/epidemia da doença também chegou a 38, conforme os dados.


				
					Terceira morte por dengue é confirmada na Bahia
Terceira morte por dengue é confirmada na Bahia. Foto: Canva Fotos

Os números foram contabilizados entre 31 de dezembro e 17 de fevereiro. Todos as mortes por dengue aconteceram no sudoeste baiano. Entre elas, 2 em Jacaraci e 1 em Piripá.

Leia mais:

As duas primeiras mortes foram confirmadas na última semana. Inicialmente, a Sesab havia citado uma das mortes como sendo em Caetité, mas desconsiderou nesta segunda. Conforme pontuou a pasta, há um caso em análise na cidade, porém sem confirmação ainda, como havia divulgado antes.

Além das 3 mortes, foram notificados 8.674 prováveis casos de dengue. O número é 21,7% que o registrado no mesmo período de 2023, quando foram notificados 7.125 casos prováveis.

Os municípios em surto/epidemia são:

  1. Anagé
  2. Ibicoara
  3. Matina
  4. Barra do Choça
  5. Ibipitanga
  6. Morro do Chapéu
  7. Barra do Mendes
  8. Ibitiara
  9. Mortugaba
  10. Barro Alto
  11. Igaporã
  12. Mucugê
  13. Belo Campo
  14. Ipiaú
  15. Novo Horizonte
  16. Bonito
  17. Iramaia
  18. Piripá
  19. Brejões
  20. Irecê
  21. Presidente Jânio Quadros
  22. Canarana
  23. Iuiú
  24. Quixabeira
  25. Caturama
  26. Jaborandi
  27. Serrolândia
  28. Condeúba
  29. Jacaraci
  30. Tanque Novo
  31. Encruzilhada
  32. Lajedão
  33. Uruçuca
  34. Feira da Mata
  35. Macaúbas
  36. Vitória da Consquista
  37. Ibiassucê
  38. Manoel Vitorino

Reunião e estratégias

O governador Jerônimo Rodrigues participou de uma reunião no sábado (17) para alinhar esforços no combate à dengue na Bahia.


				
					Terceira morte por dengue é confirmada na Bahia
Governador da Bahia se reuniu para tratar sobre a dengue. Foto: Divulgação

Além de 43 prefeitos e outros representantes de municípios baianos afetados pela epidemia de dengue, o encontro contou com a presença do senador Jacques Wagner e do ministro da Casa Civil, Rui Costa. A ministra da Saúde, Nísia Trindade, participou por videoconferência.

Para combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, a Sesab delineou diversas estratégias emergenciais.

Entre elas, foram destacadas as visitas regulares às unidades de saúde e hospitais públicos, com o objetivo de capacitar as equipes estaduais e municipais através do programa Telessaúde.

Além disso, a utilização de drones para mapeamento e identificação de possíveis focos de reprodução do mosquito é uma inovação tecnológica que fortalecerá as ações de vigilância epidemiológica.


				
					Terceira morte por dengue é confirmada na Bahia
Drones serão usados para mapear e identificar possíveis focos do mosquito da dengue. Canva/Arte

Outra medida crucial apresentada pelo governo é a realização de mutirões de limpeza em áreas consideradas críticas, para eliminar recipientes que possam acumular água parada - que é um ambiente propício para a reprodução do vetor.

Sintomas

A dengue, doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, é uma preocupação global de saúde pública.

Caracterizada por febre alta, dores musculares e articulares, dor de cabeça, náuseas e vômitos, pode evoluir para formas mais graves, como a hemorrágica e a síndrome de choque da dengue, que podem levar à morte.

Outros sintomas que merecem atenção incluem dor abdominal intensa e contínua, sangramento de mucosas, aumento progressivo do hematócrito, hipotensão postural e letargia.

A prevenção ainda é a melhor forma de combate à doença, incluindo a eliminação de recipientes que acumulem água parada, onde o mosquito deposita seus ovos, e o uso de repelentes e telas protetoras nas residências.

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM SAÚDE :

Ver mais em Saúde