Menu Lateral Buscar no iBahia Menu Lateral
iBahia > notícias > segurança
Whatsapp Whatsapp
Bahia

Sonia Guajajara visitará área de conflito entre ruralistas e indígenas

Ministra dos Povos Indígenas vai liderar comitiva da pasta na Terra Indígena Caramuru-Catarina Paraguassu na segunda (22)

Mayra Lopes • 21/01/2024 às 22:54 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

A ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, embarcará na segunda-feira (22) para a região da Terra Indígena Caramuru-Catarina Paraguassu, no sudoeste da Bahia. Segundo informações da pasta, ela deve acompanhar as investigações do ataque registrado neste domingo (21).


				
					Sonia Guajajara visitará área de conflito entre ruralistas e indígenas
Ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara. Foto: Divulgação / Governo Federal

Uma indígena da etnia pataxó foi morta durante um confronto entre indígenas e fazendeiros. De acordo com o Ministério e com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), a vítima é Maria de Fátima Muniz, conhecida como Nega Pataxó. Além dela, o irmão, o cacique Nailton Muniz, foi atingido no rim.

Leia mais:

Ele foi submetido a uma cirurgia no Hospital Cristo Redentor, em Itapetinga. Não há informações sobre o estado de saúde dele. Outros feridos chegaram a ser hospitalizados, mas não correm risco de morte.

Em nota, o Ministério dos Povos Indígenas afirmou que o ataque foi fruto de uma mobilização de cerca de 200 ruralistas da região. O motivo da disputa é a posse da Fazenda Inhuma, que tinha sido ocupada por indígenas no último sábado (20).


				
					Sonia Guajajara visitará área de conflito entre ruralistas e indígenas
Conflitos aconteceram neste domingo (21). Foto: Reprodução / Redes Sociais

A pasta disse monitorar o caso desde as primeiras informações junto da Polícia Federal, da Secretaria de Segurança Pública da Bahia e dos ministérios da Justiça, dos Direitos Humanos e do Desenvolvimento Agrário.

"Representantes do ministério, que estiveram recentemente no sul da Bahia, discutindo questões territoriais com as lideranças Pataxó Hã Hã Hãe, também estão em contato com a Coordenação do Distrito Sanitário Especial Indígena da Bahia, para garantir o cuidado com os feridos", diz nota divulgada pelo ministério.

Entenda o caso


				
					Sonia Guajajara visitará área de conflito entre ruralistas e indígenas
Conflitos aconteceram neste domingo (21). Foto: Reprodução / Redes Sociais

De acordo com a SSP-BA, o confronto ocorreu durante a ação de um grupo intitulado Movimento Invasão Zero. Quatro armas de fogo encontradas com dois fazendeiros foram apreendidas e encaminhadas para o Departamento de Polícia Técnica (DPT). Os ruralistas foram presos em flagrante por envolvimento na morte da indígena Maria de Fátima e na tentativa de homicídio contra o cacique Nailton.

Segundo a entidade, os fazendeiros foram localizados por guarnições da Polícia Militar (PM), na cidade de Potiraguá, interior da Bahia. O caso é investigado pela delegacia de Itapetinga e acompanhado pela Diretoria Regional de Polícia do Interior (Dirpin/Sudoeste-Sul)

A Secretaria da Segurança Pública determinou o reforço, por tempo indeterminado, do patrulhamento ostensivo na região.

"Me solidarizo com toda a comunidade indígena. Os autores desses crimes graves serão responsabilizados. Dois suspeitos foram presos e as possíveis armas utilizadas apreendidas. Enviamos reforço para a região por tempo indeterminado", enfatizou o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner.

Vídeo: Reprodução / Redes Sociais
Vídeo: Reprodução / Redes Sociais
Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM SEGURANÇA :

Ver mais em Segurança