Independência do Brasil na Bahia

Volta do Caboclo e da Cabocla ao Pavilhão da Lapinha encerra as comemorações do 2 de Julho

Orquestra do Maestro Reginaldo de Xangô comandou o cortejo, que saiu do Largo do Campo Grande

Redação iBahia
05/07/2022 às 20h10

1 min de leitura
Foto: Tacun Lecy / FGM

As comemorações pela Independência do Brasil na Bahia foram encerradas na noite desta terça-feira (5), em Salvador. Após cinco dias de comemoração, as imagens do Caboclo e da Cabocla retornaram ao Pavilhão da Lapinha conduzidos por um cortejo mais acelerado.

Um dos principais destaques foi a Orquestra do Maestro Reginaldo de Xangô, que há mais de 25 anos integra essa programação. Os carros simbólicos saíram do Campo Grande acompanhados de dezenas de pessoas.

Além da Orquestra, outros grupos culturais participam das manifestações. A população devolve os carros emblemáticos ao Pavilhão 2 de Julho, onde são guardados até os festejos do ano seguinte. Em 2023, o evento completará 200 anos. Veja fotos abaixo:

Foto: Tacun Lecy
Foto: Reprodução / TV Bahia

Leia mais sobre Salvador no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias