Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > são joão 2024
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
São João

Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024

Resultado do Troféu Zelito Miranda será divulgado no dia 25 de junho. Vote e escolha sua música preferida!

Mayra Lopes • 17/06/2024 às 6:00 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

A votação do Troféu Zelito Miranda 2024, que integra o São João da Rede Bahia, está a todo vapor e o como o clima junino já está instalado em boa parte da Bahia fomos em busca das histórias por trás de cada canção que está concorrendo ao prêmio. Neste ano, o g1 Bahia, iBahia, Bahia FM e TV Bahia entraram juntos nesse grande arraiá, convidando você para escolher qual o hit da folia junina desta edição.


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024. Foto: Rede Bahia

São, ao todo, 14 canções participantes. Entraram na disputa Adelmário Coelho, Del Feliz, Léo Estakazero, Virgílio, Flor Serena, Flor de Maracujá, Filomena Bagaceira, Julio César, U Tal do Xote, Cacau com Leite, Jeanne Lima, Cueca Branca, Targino Gondim e Tico.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

Além de perguntarmos sobre a história, pedimos para cada candidato dizer porque a música escolhida deve vencer o troféu.

Vale ressaltar que para eleger a melhor música, o público deve acessar o portal g1 Bahia e votar na escolhida. O resultado será divulgado no dia 25 de junho, ao vivo, durante o Jornal da Manhã (JM), na TV Bahia. A lista traz músicas lançadas pelos artistas para o São João de 2024.

Confira entrevista com músicos que concorrem ao Troféu Zelito Miranda

Adelmário Coelho - 'Manteiga no Pão'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Adelmário Coelho - 'Manteiga no Pão'. Foto: Walter Guedes

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"É uma música que eu considero, ao longo desses 30 anos, muito interessante, composta aqui por um querido amigo e um grande compositor, o cantor Nando Cordel. É uma música que fala de amor, fala do carinho especial que uma pessoa tem por outra, entendeu? E até vai nesse comparativo metaforicamente para falar, você é a manteiga do meu pão. Então, acho uma música muito bacana, o arranjo foi muito bem trabalhado também e foi feito com muito amor, muito carinho. É muito interessante o resultado que ela já tem proporcionado, né? Então, vamos torcer para que ela ganhe."

  • Qual a história da música ?

"Ela fala do romantismo, da admiração, do amor que uma pessoa tem por outra, e de uma forma tão especial, ele faz essa comparação com a manteiga e o pão, que é uma coisa que nós fazemos todos os dias, né? E quando se ama verdadeiramente, a gente entra num estado de espírito assim bem especial."

Cacau com Leite - 'Vem meu amor'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Cacau com Leite - 'Vem meu amor'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"A música 'Vem Meu Amor' deve ganhar o troféu porque uma música é que fala de amor, uma música que vem carregada de paixão, carregada de bons sentimentos e é um xote, um xote que representa o nosso São João, o nosso Nordeste."

  • Qual a história da música ?

"A história dessa música, 'Vem Meu Amor', é a seguinte: eu conheci meu amigo, meu parceiro, Renato Barbosa, lá de Jequié, e nós começamos a fazer essa música. Ele me mostrou já alguns versos prontos e eu achei muito bacana porque é uma música que fala de um retorno, de um possível retorno, aonde a pessoa clama: 'Vem meu amor, cuidar do que é seu, se existe alguém que te ama, esse alguém, aqui sou eu.' Então, é uma música que realmente fala de amor, uma música que fala de paixão, fala de bons sentimentos."

Cueca Branca – 'Piveta de rua'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Cueca Branca – 'Piveta de rua'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Piveta de Rua é uma composição de Leo Carvalho e chegou pra gente ano passado e logo pensamos em gravar, música boa tem que gravar, né? E tivemos o prazer de ter a voz da querida Esther, que é uma cantora maravilhosa de Fortaleza que só veio mesmo engrandecer esse trabalho."

  • Qual a história da música ?

"A música exalta o empoderamento feminino no qual a mulher cansou de ser traída, de ser usada pelo homem e disse chega, basta, já deu. De uma forma popular, falando a língua das mulheres baianas, no qual também eu me identifico."

Del Feliz - 'Tu e eu '


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Del Feliz - 'Tu e eu '. Foto: Reprodução / Redes sociais

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Ela merece o troféu Zelito, porque ela é a cara do São João. Além da letra, da melodia, dos arranjos, de toda uma sintonia junina, ela tem uma força muito grande e ao ouvir, você se sente dentro de uma festa de São João. Acho que o argumento melhor é esse. Ela me transporta e me traz essa aura, essa essência de uma festa junina."

  • Qual a história da música ?

"A música é uma parceria minha com Gigi Cerqueira. Eu estava voltando de Petrolina, dei uma parada no caminho para abastecer, dei uma olhadinha no celular, e estava lá uma mensagem de Gigi: 'Del, fiz uma melodia aqui, a tua cara, fala de simplicidade, fala de sanfona, fala de São João e fala de uma relação bonita, pura, verdadeira. É um negócio bacana'. Aí eu percebi que a outra melodia que eu vinha fazendo na estrada dava para encaixar. Em poucos minutos, a música tava pronta."

"'Tu e Eu' é uma música com a qual eu me identifico, tem uma sintonia com a minha história, com meu jeito de ser, nas coisas que eu acredito, na cultura que eu vivo, e para fechar com chave de ouro, é uma música que tem a parceria de Gigi, que é um cara que eu admiro e quero bem demais. E que essa mensagem de 'Tu e Eu' levando o interior, a simplicidade, o nosso jeito de ser, um cenário junino para os corações, reverbere e chegue cada vez mais longe."

Filomena Bagaceira – 'Era eu'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Filomena Bagaceira – 'Era eu'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Acho que deve ganhar, porque além de ser a nossa aposta pro São João 2024, é um dueto, é o primeiro dueto, eu e Sarah, a minha nova parceira de palco. Essa música tem nos surpreendido assim a cada dia, sabe? Lançamos dia 15 de maio e é uma música envolvente, gostosa de dançar, tem tudo a ver com o São João, com aquele clima gostoso, friozinho, dançar agarradinho. Tem um pouco de desilusão amorosa também, quem nunca. Também vai trazer um pouco de identificação com o público aí. Eu acho que vai ter isso também. E mais do que isso, acho que traz à tona um pouco da musicalidade, da banda, da sonoridade. Ao longo desses 25 anos de trajetória, a Filomena vem como representante e defensor do forró da Bahia. "'Era eu' é uma composição de Hugo Meira, Lucas Tibério, Rafael Leal e Xuxinha."

  • Qual a história da música ?

"A história fala sobre a ruptura de um casal, onde uma dessas partes busca encontrar em outras pessoas aquilo que, na verdade, no final das contas, ela só encontraria com quem ela ama de verdade. Então, a letra já começa assim. Daí pro final, essa primeira pessoa que foi deixada dá um basta, ela foi a pessoa que correu atrás, que tentou todo o tempo salvar a relação, que ligava, que fazia de tudo, e essa pessoa cansou. Então, basicamente, essa é a história. A outra pessoa vai continuar buscando em outros aquilo que ela só encontraria com quem ela realmente ama."

Flor de Maracujá – 'Apavora minha mente'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Flor de Maracujá – 'Apavora minha mente'. Foto: @leo.arasa

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Ela é uma música forte, né? É uma música que traz os elementos do forró estilizado, mas trazendo o romantismo. É uma música que relata o cotidiano e de amores. Então, acho que ela vem com essa riqueza, não só nos arranjos como na letra."

  • Qual a história da música ?

"A música vem contar histórias de amores inesquecíveis. Sabe aquele amor que você acha que já resolveu, que você não sente mais nada, que é página virada, e de repente, passam anos ou meses, enfim, você encontra aquela pessoa de novo, você vê aquela pessoa e vem aquele sentimento, aquela chuva de memórias, de sensações. Acredito que [a música] vem contar a história de quem nunca teve um amor desse."

Flor Serena – 'Eu e você'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Flor Serena – 'Eu e você'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Essa música tem que ganhar e ela merece ganhar, por quê? Porque é uma música alegre, é uma música que remete à noite de São João. É uma música simples, dançante, gostosa. Pra animar a sua noite de São João."

  • Qual a história da música ?

'Eu e Você' é uma música de Lego Valentim, o baixista da Flor Serena e seus companheiros. Essa música remete àquela infância gostosa, àquela pureza do São João ao redor da fogueira, deitado na rede, dançando na chuva. Remete a paixões, remete ao passado, remete ao amor. Então, é uma música muito linda, muito bem composta, uma música alegre, uma música singela. Eu chamo ela de singela."

Jeanne Lima – 'Amar em off'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Jeanne Lima – 'Amar em off'. ​Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"A música merece ganhar, porque é um forró lindo, com uma batida gostosa, que traz o moderno, o tradicional. É uma canção realmente para tocar nos corações e mexer com o pé."

  • Qual a história da música ?

"A história fala de um casal que ficava expondo muito a sua vida nas redes sociais e, por conta disso, quase chegaram a terminar o relacionamento, por conta de estar expondo a vida o tempo todo nas redes sociais. E fala da importância de você se preservar em tudo, ter cuidado com a rede social, fazer as coisas em off, no relacionamento, no trabalho. Então, ter esse cuidado, porque se a gente não tem o cuidado nas redes sociais, isso pode influenciar e terminar prejudicando a nossa vida pessoal. A música basicamente fala sobre isso, do cuidado da gente ter e expor as nossas coisas nas redes sociais.

Júlio César – 'Quem manda em mim sou eu'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Júlio César – 'Quem manda em mim sou eu'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"É uma música de um artista de uma geração mais jovem que faz parte desse processo necessário do forró, que é o processo de renovação do forró. É importante que esse troféu seja ganho por um artista mais jovem."

  • Qual a história da música ?

"A história da música fala de quando você finaliza um relacionamento, onde você ainda sente muita falta da pessoa e gostaria muito que tivesse dado certo. Uma pessoa que foi marcante na sua vida. Apesar de todo esse envolvimento emocional, é difícil a gente finalizar uma relação com quem a gente gosta muito, é necessário tomar as rédeas da situação e dar seguimento à vida, deixar esse sentimento guardado no lugar onde caem boas lembranças e se propor novas oportunidades, então o nome da música 'quem manda em mim sou eu'. Ela é para você reconhecer, identificar o momento de se desprender de algumas questões emocionais e seguir em frente em busca das necessidades pessoais."

Léo Estakazero - 'Se adiante aí'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Léo Estakazero - 'Se adiante aí'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Ela merece realmente ter uma valorização de destaque, porque é uma música que segue a tradição dos grandes sucessos que a banda Estakazero emplacou nos mais de 20 anos de estrada. Essa música, além de trazer uma sonoridade mais moderna, ela mantém essa tradição e tá na memória dos baianos, do xote romântico, bem dançante, tudo a ver com o período junino agora"

  • Qual a história da música ?

"Ela tem uma característica bem romântica e dançante, algo que o público da Estakazero, o público forrozeiro, curte e gosta de dançar. Afinal de contas, o São João é esse momento, acima de tudo, de muito amor, onde as pessoas dançam agarradinho, tem o inverno envolvido, aquele clima romântico. Então, nós sempre buscamos oferecer aos nossos fãs a continuidade desse trabalho, que foi tão bem aceito, que é um trabalho que remete muito ao amor, ao afeto, a casais que se informaram durante esse longo de mais de 20 anos. Eles esperam ter sempre uma novidade e essa música foi feita com esse intuito. Ela realmente representa muito essa identidade que a gente tem com o público."

Targino Godim - 'Essa Menina'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Targino Godim - 'Essa Menina'. ​Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Essa música nossa merece, sim, ganhar, merece que seja muito bem votada, porque é a magia da música, né? O momento nosso agora de São João, aquela coisa da menina, aquela coisa da música que chama você pro salão, que faz você remexer, sacudir, entrar em uma sintonia com o espírito dessa composição."

  • Qual a história da música ?

"A música é uma composição minha com Carlinhos Brown. A gente tem feito muitas coisas juntos, que gravamos, ele gravou com o Olodum e tudo. Mas, nesse processo todo de composição, a gente acabou tendo a ideia de realizar essa música em homenagem à figura feminina, né? Essa menina da Bahia, essa menina do Nordeste, essa menina do Brasil, essa menina do mundo. E a gente teve esse encontro e essa inspiração maravilhosa para que a gente trouxesse todo esse romance, todo esse balanço, esse swing baiano, essa coisa do forró, uma coisa que já existe dentro do Brown e comigo também. Então, a gente conseguiu externar tudo isso com essa música."

Tico – 'Gatilho'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Tico – 'Gatilho'. Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"Essa música merece ganhar o troféu porque, além de ser uma música muito bacana, ela fala de amor, fala de uma linguagem tranquila, não ofende ninguém, ela tem uma roupagem musical atual, nova, então tá dentro de um contexto muito bacana, eu acho que ela merece sim."

  • Qual a história da música ?

"A música 'Gatilho' entrou na minha vida já tem mais de um ano. Quando escutei essa canção, a música mexeu muito e com a banda toda inclusive. A gente estava na van em viagem e todo mundo gostou da música, é uma música que tem uma linguagem atual, mas fala de amor, fala de um jeito clássico, acho que não é uma música descartável e a música mexeu com todo mundo da banda, a gente fez uma gravação usando elementos atuais, zabumba, triângulo, para ficar bem com a cara do forró."

U tal do xote – 'Tome-lhe beijo'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
U tal do xote – 'Tome-lhe beijo'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"É porque ela é uma música leve, divertida, fala de amor, tem uma linguagem atual, uma letra que pega fácil e, além de tudo, ela é maravilhosa pra dançar, quando a gente canta assim: "É você a flor que eu desejo, tome-lhe beijo, tome-lhe beijo."

  • Qual a história da música ?

"Ela conta a história de um rapaz que terminou uma relação, terminou um relacionamento, e aí ele sai voando igual a um passarinho, pousando de ninho em ninho, e ele acaba percebendo que ele não consegue viver sem a amada dele. Aí tem uma parte que ele canta assim: 'tô voltando pra casa pra viver a nossa história'. Conta a história desse casal, desse cara que volta para a relação e pede a ela para voltar à relação."

Virgílio - 'Tô com saudades de você'


				
					Conheça histórias por trás das músicas do Troféu Zelito Miranda 2024
Virgílio - 'Tô com saudades de você'. Foto: Divulgação

  • Por que a música deve ganhar o troféu?

"É uma música bonita, tem história, tem uma letra muito bem arrumada, sabe? Tem a companhia de um grande cantor que é o Alcimar Monteiro. Ela é a coisa mais linda. A música está estourada e o povo tá amando."

  • Qual a história da música ?

"Quanto à história da música, primeiro eu ia gravar uma música do meu amigo Reinaldo Barbosa e mandei para o meu produtor. Só que ele tinha uma outra música. No primeiro momento, eu fiquei em dúvida porque música é assim. Depois que ficou pronta, que nós arrumamos tudo, a música ficou linda demais. É a união de Pernambuco com Bahia, é muito linda, ela merece ganhar o primeiríssimo lugar, mas se alguém ganhar também, eu vou ficar muito feliz."

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM SÃO JOÃO 2024 :

Ver mais em São João 2024