Sustentabilidade

Paulistanos poderão transportar bicicletas nos ônibus municipais superarticulados

Incentivar o uso da bicicleta é um dos principais objetivos da medida  Imagem: Pixabay / CC0 A Secretaria Municipal de Transportes (SMT) publicou, em 7 de maio, no Diário Oficial da Cidade, a Portaria nº 032/16-SMT.GAB, autorizando o transporte de bicicletas nos ônibus do sistema de transporte coletivo municipal. O embarque de bicicletas será permitido apenas em ônibus superarticulados de 23 metros de extensão (modelo longo com uma “sanfona” no meio), pelas portas traseira ou central. A frota em operação conta, atualmente, com 830 veículos deste modelo operando em todas as regiões. Nos dias úteis, será possível levar a bike nos ônibus das 10h01 às 15h59 e entre 19h01 às 5h59. Aos sábados, a partir das 14h. Já aos domingos e em feriados o embarque será liberado em qualquer horário. O pagamento da tarifa será feito somente após o passageiro […]

Redação iBahia
10/05/2016 às 17h00

2 min de leitura

bike-ecod.jpg
Incentivar o uso da bicicleta é um dos principais objetivos da medida
 Imagem: Pixabay / CC0

A Secretaria Municipal de Transportes (SMT) publicou, em 7 de maio, no Diário Oficial da Cidade, a Portaria nº 032/16-SMT.GAB, autorizando o transporte de bicicletas nos ônibus do sistema de transporte coletivo municipal.

O embarque de bicicletas será permitido apenas em ônibus superarticulados de 23 metros de extensão (modelo longo com uma “sanfona” no meio), pelas portas traseira ou central. A frota em operação conta, atualmente, com 830 veículos deste modelo operando em todas as regiões.

Nos dias úteis, será possível levar a bike nos ônibus das 10h01 às 15h59 e entre 19h01 às 5h59. Aos sábados, a partir das 14h. Já aos domingos e em feriados o embarque será liberado em qualquer horário.

O pagamento da tarifa será feito somente após o passageiro fixar e travar a bicicleta, e não será permitido transportar mais de uma bike por ônibus.

A portaria entrará em vigor em 180 dias, a partir da sua publicação, e os principais objetivos da medida são contribuir para o desenvolvimento do transporte sustentável, incentivar o uso da bicicleta e facilitar o deslocamento dos ciclistas pela cidade, que já conta, atualmente, com 412,6 km de ciclovias.

A iniciativa considera diferentes legislações em vigor estabelecendo o Sistema Cicloviário no Município, a articulação entre transporte por bicicleta com sistema de transporte coletivo para viabilizar condições de segurança e eficácia ao ciclista, e ainda os termos do Plano Diretor Estratégico, que insere no mesmo nível de prioridade de políticas públicas o transporte coletivo e o transporte não motorizado, em especial por meio de bikes.

(Via eCycle)

EcoDesenvolvimento.org – Tudo Sobre Sustentabilidade em um só Lugar.