Confira as dicas de teatro para o fim de semana


O iBahia preparou um guia com os principais espetáculos teatrais para que você continue se divertindo durante o fim de semana. O roteiro inclui apresentações que misturam teatro, música, dança e espetáculos gratuitos. (Clique nos links em vermelho para mais informações). Programe-se com a agenda de teatro do iBahia Estreia

Estreia no Teatro Jorge Amado o espetáculo ‘Caixa de Areia’

Caixa de Areia‘ conta a história de Ana, interpretada por Taís Araújo, que vê a vida como se estivesse fora dela, distanciada, do outro lado, incapaz de se envolver afetuosamente com alguém, com seu olhar crítico a respeito de tudo e todos. Teatro Jorge Amado, Pituba, de 28 de fevereiro a 2 de março, às 21h, quinta e sexta, e 22h, no sábado. Ingressos R$ 50 (inteira), quinta, e R$70 (inteira), sexta e sábado.

Curta temporada

Peça ‘Amor Barato’ será apresentada com ingressos a R$1

O espetáculo ‘Amor Barato – cantigas torpes e carinhos ordinários‘ é protagonizado pela barata Dona, dondoca fútil e vulgar, filha de um mega empresário da comunicação, e pelo rato Dom, delinquente juvenil, filho de um senador corrupto. Teatro Castro Alves, 3 de março, às 11h. Ingressos R$1 (inteira).

O espaço Xisto Bahia recebe o espetáculo Los Catedrásticos – Nova Mente, onde os atores trazem esquetes cômicas com a interpretação em forma de recital de 20 a 30 músicas de axé, pagode, funk e arrocha, além de homenagens especiais a artistas da música baiana e popular brasileira. Dias 1º e 2 de março, às 20h. Gratuito.

O Encontro das Yábas aborda as lendas do rio que deságua no mar, dos contos de pescadores, além das lavadeiras da beira do rio. Cente-Teatro Solar Boa Vista, 2 de março, às 17h. Ingressos R$4 (inteira) e R$2 (meia).

Continua em cartaz

A-corda Salvador narra a história de um caipira que vai a Salvador para tentar realizar o seu grande sonho: ser cordeiro de um bloco de Carnaval. Escola de Teatro da UFBA (Sala 5), de 2 a 16 de março, aos sábados, às 17h. Entrada Gratuita.

Com texto de Claudio Simões, a peça Jingobel conta a história de uma solteirona que é abandonada por seu amante e tem seu relacionamento inesperadamente rompido por telefone.Teatro Sesc – Casa do Comércio, até 29 de março, às quintas e sexta, e todas às quintas de abril, sempre às 21h. Ingressos R$40 (inteira) e R$20 (meia).

Com texto de Aldri da Anunciação, o espetáculo Namíbia, Não! conta a história de dois primos negros, ou de ‘melanina acentuada’, acuados num apartamento, na iminência de serem deportados para África. Teatro Sesc – Casa do Comércio, até 31 de março, às 21h, aos sábados, e 20h, nos domingos. Ingressos R$30 (inteira) e R$15 (meia).

Bonitinha, mas Ordinária aborda o dilema de Edgard que tem de escolher entre o casamento por dinheiro ou por amor. Sala do Coro do TCA, 1º a 24 de março, às sextas, sábados e domingos, às 20h. Ingressos R$20 (inteira) e R$10 (meia).

No espetáculo As Barrigudas, as atrizes Mariana Freire e Karina de Faria, grávidas na vida real, expressam suas impressões a respeito desta nova condição em suas vidas. Teatro Gamboa Nova, de 3 a 31 de março, sempre aos domingos, às 17h. Ingressos R$20 (inteira) e R$10 (meia).

A peça A Bofetada tem uma comunicação direta com o público, através de referências retiradas do cotidiano e das características da baianidade. No Teatro Isba, Ondina, às 20h, de sexta a domingo, até 31 de março. Ingressos R$50 (inteira) e R$25 (meia).

No espetáculo Entre Nós – Uma Comédia Sobre Diversidade, os atores Anderson Dy Souza e Igor Epifânio se desdobram em onze personagens, para encenar a situação que gira em torno de dois atores em processo de criação de uma história de amor entre dois jovens gays. Teatro Gamboa Nova, de 1º a 30 de março, às sextas e sábados, às 20h. Ingressos R$20 (inteira) e R$10 (meia).

O espetáculo Éramos Gays conta a história de Alice Kate, um gay que, em um grupo de viajantes com destino a Nova Iorque, é surpreendido com uma pane no avião onde estavam. No seu desespero frente à iminência da morte, o personagem jura ao seu santo de devoção que deixará de ser gay. Teatro Módulo, na Pituba, às 20h, de sexta a domingo, até 28 de abril. Ingressos R$50 (inteira) e R$25 (meia).

Unindo teatro, música e dança afro, a montagem Oyaci “A Filha de Oyá” fala sobre o encontro do indivíduo e o seu Orixá, do humano com o divino, da pessoa com a sua ancestralidade africana num processo de revelações e desvelações do corpo e da sua memória afetiva. Teatro Vila Velha, de 15 de fevereiro a 03 de março, sextas, às 20h; sábados, às 18h; e domingos, às 19h. Ingressos R$30 (inteira) e R$15 (meia).

Comemorando 7 anos de sucesso, o ator baiano Luís Miranda retorna à Salvador com o espetáculo 7 Conto – A Comédia, com direção de Ingrid Guimarães. Teatro Jorge Amado, na Pituba, aos sábados e domingos, até 31 de março, às 20h. Ingressos R$50 (inteira) e R$25 (meia).