Manifestação

Em greve há 7 dias, professores da rede municipal de Salvador fazem ‘lavagem’ em frente a Secretaria

Protesto começou durante a manhã e foi até o início da tarde desta quinta-feira (26). Categoria fará nova assembleia nesta sexta-feira (27)

Redação iBahia
26/05/2022 às 17h11

2 min de leitura
Foto: Reprodução/TV Bahia

Um grupo de professores da rede municipal de educação de Salvador fez um protesto em frente à sede da Secretaria, na Avenida Anita Garibaldi, na manhã desta quinta-feira (26).

Com vasos cheios de águas e flores e usando vassouras, os manifestantes fizeram a lavagem da porta da pasta. O grupo também fechou parte da pista em frente ao local. O protesto acabou no início da tarde.

A categoria chegou ao sétimo dia de greve nesta quinta-feira. A manutenção da parada foi votada durante assembleia realizada na quarta.

No encontro, os professores decidiram ainda apresentar à prefeitura, por meio do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), uma contra proposta apresentando o índice de reajuste de 23% + 2 referências. O dia da apresentação não foi detalhado.

Na sexta-feira (27), os professores devem realizar uma nova assembleia em Salvador. O ato está previsto para as 9h, e deve acontecer no Ginásio de Esportes dos Bancários, no centro da cidade. Enquanto não houver acordo, a categoria segue parada.

São 163 mil alunos fora das salas de aula e ao menos 7.600 professores integrantes no movimento, segundo a APLB.

Inicialmente, os professores reivindicam a equiparação salarial ao piso nacional – que é de R$3.845,00, e, para isso, a Secretaria de Educação teria que conceder um aumento de 33,24%. No entanto, a proposta não foi aceita pela prefeitura.

Leia mais sobre Salvador no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias