Violência na capital

Rui Costa autoriza uso de força máxima da segurança após morte três PMs no fim de semana

Governador afirma que é necessário sangue frio por parte dos agentes para lidar com a perda dos colegas e agir na captura dos criminosos

Redação iBahia
09/05/2022 às 12h26

2 min de leitura
Foto: Reprodução / Secom

O governador Rui Costa (PT), autorizou o uso de força máxima da segurança pública para prender os suspeitos das mortes de três policiais militares durante o final de semana em Salvador.

Em coletiva realizada nesta segunda-feira (9), o gestor estadual pediu força e profissionalismo das tropas policiais.

“Toda operação já acontecendo desde ontem (8). Estamos com policiamento na área. Toda a determinação já foi dada para uso de todos recursos militares especializados. Eu ressalto aqui a mensagem para nossa Polícia Militar: precisamos e vamos agir com força, mas profissionalismo para que os responsáveis por isso sejam capturados”, disse.

De acordo com o governador, todos os recursos da polícia estão sendo utilizados desde o domingo (8) para a apreensão. Rui afirma que é necessário ainda sangue frio por parte dos agentes para lidar com a perda dos colegas e agir na captura dos criminosos.

“Todo recurso disponível da Polícia Militar e da Polícia Civil está sendo usado desde ontem e em breve apresentaremos a captura desses criminosos e dos armamentos, porque as mortes foram realizadas com tiro de fuzil, o que mostra, infelizmente, o poder de fogo desses criminosos”.

Morte de policiais

Dois policiais militares foram mortos a tiros, na noite do domingo (8), quando passavam pela rua Vereador Zezeu Ribeiro, localizada no bairro de Fazenda Grande I, em Salvador, enquanto retornavam do enterro de um colega, que foi assassinado no sábado (6).

Um quarto policial militar foi baleado na noite do domingo (8) após um tiroteio registrado na região do Abaeté, localizado no bairro em Itapuã.

Leia mais sobre Salvador no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias